[ ]
Notícias de Última Hora
Por Notícias de Resende | sábado, 22 de abril de 2017 | Publicado em , , , | Com 0 comentários
Um conjunto de cinco provedores de misericórdias de todo o país, o Presidente da União das Misericórdias e o Diretor do Centro Distrital de Viseu do Instituto da Segurança Social vão dinamizar um grande debate na próxima quinta-feira em Lamego, sobre as estratégias a adotar para garantir a sustentabilidade futura das misericórdias portuguesas. Com uma intervenção inicial de António Tavares, Provedor da Misericórdia do Porto, esta discussão marca o arranque das comemorações do 498º aniversário da Misericórdia de Lamego que reunirá no Teatro Ribeiro Conceição centenas de pessoas ligadas ao setor social, para escutarem um vasto leque de oradores, constituído sobretudo por dirigentes de instituições sociais e responsáveis de projeto.

Fundada em 20 de abril de 1519, a Santa Casa da Misericórdia de Lamego é uma das mais antigas do país e esteve sempre, desde a sua criação, na linha da frente no apoio social aos mais carenciados do concelho. O seminário comemorativo de mais um aniversário será subordinado ao tema “A sustentabilidade no terceiro setor: Que presente vivemos? Que futuro construímos?”.

Durante o período da manhã, o encontro fica completo com a realização de um segundo painel de intervenções sobre a “Sustentabilidade e responsabilidade social das organizações”. Após a hora do almoço, o público é convidado a assistir a diversas apresentações sobre “Contextos e Boas Práticas de Intervenção”.

Os interessados que querem estar presentes no encontro devem efetuar previamente a sua inscrição em www.estgl.ipv.pt/seminario_scml_2017.html ou em scmlamego.pt. A entrada é gratuita.

PROGRAMA – Teatro Ribeiro Conceição – 27 de abril

9:00 | ABERTURA DO SECRETARIADO
9:30 | SESSÃO SOLENE DE ABERTURA
Dr. António Marques Luís, Provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lamego
Dr. Manuel Lemos, Presidente da União das Misericórdias
Prof. Dr. José Paulo Lousado, Presidente da ESTGL
Eng.º Francisco Lopes, Presidente da Câmara Municipal de Lamego
Dr. Telmo Antunes, Diretor do Centro Distrital de Viseu instituto da Segurança Social, IP
D. Jacinto Carmo Botelho, Bispo Emérito da Diocese de Lamego

10:00 | I PAINEL – Moderação: Diretor do Jornal do Centro, António Figueiredo
FÓRUM DE DEBATE: Estratégias de sustentabilidade na Santa Casa da Misericórdia: Presente e Futuro
União das Misericórdias Portuguesa – Manuel Lemos, Presidente
Santa Casa da Misericórdia de Lamego – António Marques Luís, Provedor
Santa Casa da Misericórdia do Porto – António Tavares, Provedor
Santa Casa da Misericórdia de Tarouca – Rui Raimundo, Provedor
Santa Casa da Misericórdia de Guimarães – Noémia Carneiro Pacheco, Provedora
Santa Casa da Misericórdia da Régua – Manuel José da Silva Mesquita, Provedor
Centro Distrital de Viseu instituto da Segurança Social, IP – Telmo Antunes, Diretor

11:30 | COFFEE BREAK

12:00 | II PAINEL – Moderação: Anabela Guedes, ESTGL/IPV
A SUSTENTABILIDADE E RESPONSABILIDADE SOCIAL DAS ORGANIZAÇÕES
A sustentabilidade do terceiro setor e a sua relação com o empreendedorismo social
Carlota Quintão (Associação A3S)
A responsabilidade social: obrigação da empresa ou instrumento estratégico de gestão?
Manuel de Sousa Aroso (FEUP, FCNAUP; Rede Nacional de Mentores do Ministério da Economia, RECI/Portugal 2020)

13:00 | ALMOÇO LIVRE

14:30 | III PAINEL – Moderação: Ana Paula Marques, Diretora do Núcleo de Intervenção Social, ISS, I.P
CONTEXTOS E BOAS PRÁTICAS DE INTERVENÇÃO
Desafios na prestação de cuidados com pessoas com demências
Isabel Sousa (Projeto Cuidar Melhor/Associação Alzheimer Portugal)
O Snoezelen: multiplicidade de aplicações e benefícios
Rita Carvalho Abreu (Intervenção Snoezelen com Idosos)
Práticas de responsabilidade social em instituições do 3º setor: apresentação de resultados
Discentes do Mestrado em Gestão de Organizações Sociais (ESTGL/IPV)

16:15 | COFFEE BREAK
Pobreza Infantil
Fátima Veiga (EAPN Portugal/ Rede Europeia Anti-Pobreza)
Projeto de ensino inovador no centro infantil de Peso da Régua
Daniela Meira (Projeto da Santa Casa de Misericórdia do Peso Régua)

17:15 | SESSÃO DE ENCERRAMENTO

18:00 | IGREJA DAS CHAGAS – MISSA EVOCATIVA DO 498° ANIVERSÁRIO, CELEBRADA PELO BISPO EMÉRITO DA DIOCESE DE LAMEGO, D. JACINTO BOTELHO (PARTICIPAÇÃO DO CORO DA SANTA CASA DA MISERICÓRDIA DE LAMEGO)

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , , , | Com 0 comentários
O "Mais Resende" (www.maisresende.pt), site para divulgação do concelho de Resende, foi lançado no dia 22 de março. Trata-se de um local onde pode encontrar as mais belas paisagens resendenses, as deliciosas cavacas e cerejas de Resende. Leandro Alexandre, 24 anos de idade, autor deste projeto, explica em entrevista, a Rafael Barbosa, os seus motivos para a construção deste site e objetivos futuros. Leandro é licenciado em Engenharia Informática e mestre em Sistemas de Informação. As suas maiores paixões são a tecnologia e a música.

Rafael Barbosa (RB): Como surgiu a ideia de criar o Mais Resende? O porquê de o teres criado? Em que consiste o projeto?

Leandro Alexandre (LA): Inicialmente a ideia era criar apenas um site onde se pudesse divulgar as Cavacas de Resende, pois identifiquei que existia uma lacuna a esse nível. Se procurasse por cavacas de Resende na internet, apenas apareciam informações sobre a história e também sobre a feira que é realizada todos anos. Mas, então onde posso comprar? A quem? Os contactos? Isso hoje em dia não pode acontecer.

Entretanto, à mesa com amigos apresentei-lhes a minha ideia inicial, e eles acharam que era muito interessante e levantaram a questão - "porquê só as cavacas? Porque não tudo aquilo que o concelho tem de melhor para oferecer?" Assim, a ideia evoluiu e nasceu o “Mais Resende”, que pretende divulgar o concelho de Resende de uma forma atrativa e simples, e que é totalmente compatível em qualquer dispositivo desde o computador, tablet ou smartphone.



RB: O que está planeado para o futuro? Que novidades trará o Mais Resende?

LA: Para o futuro, e num futuro próximo (assim espero), vou tentar abrir vários horizontes no site, como por exemplo separadores no âmbito da restauração, hotelaria e pontos de interesse a visitar no concelho, contudo, para isso necessito obviamente da parceria dos responsáveis por esses “locais”, algo que ainda estou a estudar.

Quanto às novidades que trará o “Mais Resende”, contem em breve com a presença de dois novos separadores.

RB: Sempre foste um apaixonado por Resende? O que mais te encanta na Capital da Cereja?

LA: Sinceramente sempre gostei de Resende, mas acho que com o passar dos anos fui cada vez dando mais valor, talvez por sair do concelho para estudar e também por agora estar fora a trabalhar. Existem várias coisas que me fazem gostar de Resende, mas principalmente as paisagens, a calma e a tranquilidade que se fazem sentir, são o que mais me encantam.



RB: Tiveste ajudas ou pensas vir a ter?

LA: Sim, tive algumas ajudas. Toda a parte que envolve programação foi desenvolvida por mim, no entanto para a elaboração de alguns textos e também para as fotos contei com a ajuda da minha namorada e da Andreia Azevedo.

RB:  Pensas internacionalizar o site, através de tradução e/ou outros meios?

LA: Quando fiz a estrutura do site a tradução foi algo logo a ser pensado e estão criados os alicerces para que isso possa ser feito mais tarde. Quanto a outros meios sinceramente ainda não pensei sobre isso, para já quero consolidar esta fase inicial e trazer mais conteúdo para o site.



RB: As autárquicas estão a chegar. Como encaras atualmente o concelho de Resende? O que mudavas? Alguns conselhos para o próximo presidente de Resende?

LA: Como encaro atualmente o concelho? É uma questão difícil, penso que há sempre coisas a melhorar, mas no últimos anos temos dado passos importantes. Penso que o próximo presidente de Resende deveria  apostar mais nas Cavacas de Resende, pois na minha perspetiva têm um potencial enorme.

Um conselho, seria apostar e canalizar apoios financeiros para estimular a criação de empresas em Resende, incentivar o empreendedorismo acho que era fundamental. Hoje em dia é impossível manter todos jovens do concelho a trabalhar na zona e será impossível manter todos, mas quantos mais conseguirmos manter melhor para o Concelho. No entanto acredito que existam jovens com boas ideias de negócio, que deveriam ser apoiados e incentivados a avançar com essas ideias, porque o que acontece maior parte das vezes é existirem boas ideias, mas que não passam disso mesmo, ideias. Talvez por medo, ou por falta de estrutura e claro dificuldade de investimento. Penso que é nesta área que o Município de Resende deve apostar, criar condições para os jovens.



RB: Desejas acrescentar mais algo?

LA: Queria aproveitar para agradecer o convite pela entrevista e esta oportunidade para divulgar o “Mais Resende”.

Aproveito ainda para incentivar todas as pessoas a visitar a nossa página no Facebook, procurando por “Mais Resende”, e o nosso site, acedendo a www.maisresende.pt.



Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
A Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, em parceria com a Direção Regional de Cultura do Norte e a Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, vai dinamizar o Festival Confluências – Quintas do Barroco do Tâmega e Sousa, que decorrerá entre maio e julho de 2017, durante os fins de semana, percorrendo quintas barrocas dos municípios do Tâmega e Sousa. Serão 22 dias de programação cultural, 66 concertos, 22 espetáculos para famílias e 15 novas criações, envolvendo artistas de referência nacional e internacional da música contemporânea e coletividades culturais do Tâmega e Sousa.

A apresentação oficial do programa do Festival Confluências – Quintas do Barroco do Tâmega e Sousa está agendada para o próximo dia 28 de abril, sexta-feira, às 10.00 horas, na Quinta da Aveleda, em Penafiel.

A sessão contará com a presença do Presidente do Conselho Intermunicipal da Comunidade Intermunicipal do Tâmega e Sousa, Inácio Ribeiro, do Diretor Regional de Cultura do Norte, António Ponte, do Presidente da Entidade Regional de Turismo do Porto e Norte de Portugal, Melchior Moreira, do Vogal da Autoridade de Gestão do Norte 2020 – Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Norte, Jorge Nunes, e do Diretor Executivo da Opium, entidade responsável pela direção executiva e artística do festival, Carlos Martins.

Concebido como um evento cultural intermunicipal, em rede, com impacto à escala regional e nacional, o Festival Confluências – Quintas do Barroco do Tâmega e Sousa pretende privilegiar atividades que estimulem a visibilidade e atratividade das quintas e casas nobres do período barroco, enquanto lugares de experiência turística de qualidade e diferenciadora e de fruição cultural distinta, mas também contribuir para a formação de novos públicos culturais, envolvendo os agentes culturais e a comunidade local na construção da programação e proporcionando novas experiências e memórias aos visitantes, turistas e residentes.

O Festival Confluências – Quintas do Barroco do Tâmega e Sousa será, por isso, mais do que uma programação cultural, já que tem associada uma dimensão turística, pedagógica, lúdica e social. Queremos que este evento seja uma marca forte do Tâmega e Sousa, capaz de vincular este território à sua cultura e ao seu património, mas igualmente aos seus produtos endógenos, como o vinho verde, a gastronomia, as tradições e as suas gentes, que tão bem recebem quem os visita.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , , , | Com 0 comentários
Alunos das Escolas Secundárias de Moimenta da Beira, Mangualde e Viseu participam na 36ª Sessão de Seleção Nacional do Parlamento Europeu dos Jovens (PEJ) que está a decorrer em Braga desde quinta-feira, 20 de abril, até domingo, dia 23. No evento de quatro dias serão escolhidos os estudantes do Ensino Secundário que representarão Portugal em sessões do PEJ no estrangeiro.
A escolha baseia-se no trabalho realizado pelas seis comissões – cada uma constituída por oito alunos e um coordenador –, que criam moções de resolução sobre tópicos da atualidade europeia, de acordo com competências parlamentares que lhes são atribuídas.

Tendo como tema principal “Ações – Baricentros da Sociedade Assimétrica”, os tópicos a debate estão relacionados com as várias clivagens e desequilíbrios presentes na sociedade, tais como a corrupção, a gentrificação, a saúde mental, o controlo de fronteiras, as “fake news”, a gestão das pescas e a estratégia de defesa europeia.

Os principais objetivos do Fórum são a sensibilização da juventude para a importância de uma participação ativa na cidadania europeia, estabelecendo o contacto com os mais variados temas discutidos na atualidade europeia e até mundial, bem como a aquisição de soft skills transversais a várias áreas disciplinares que são valiosas para o trabalho em equipa tanto no evento como, futuramente, no mundo profissional.

Esta 36ª Sessão de Seleção Nacional conta com o apoio de várias entidades, tais como a Câmara Municipal de Braga, a EPB, o IPDJ, o GNRation, a Bloomidea e a CCDR-Norte O evento é organizado pela Associação Portuguesa do Parlamento Europeu dos Jovens (APPEJ), inserida na rede internacional European Youth Parliament.

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
A Associação dos Amigos do Rio Ovelha (AARO) e a Câmara Municipal do Marco de Canaveses, com o apoio das Juntas de Freguesia que são detentoras dos seis percursos pedestres já homologados no concelho, estão a preparar o V Festival de Percursos Pedestres do Marco de Canaveses.
A iniciativa realiza-se no dia 14 de maio, domingo, sendo que as inscrições podem ser efetuadas até essa mesma data.

À luz da temática "Caminhar pelo Desporto e pela Natureza", o Festival de Percursos Pedestres desafia os participantes a percorrer áreas com uma beleza paisagística ímpar e um património cultural e arquitetónico de excelência.

A abertura do secretariado será no Pavilhão Gimnodesportivo da EB 2,3 do Marco de Canaveses, pelas 08h00, onde os participantes poderão optar pelo percurso que pretendem conhecer ou redescobrir. A caminhada iniciará entre as 08h30 e as 09h30, sendo que o final está previsto para cerca das 13h30.

Mais se informa que a organização assegura meio de transporte do local de encontro para todos os PRS.

O V Festival de Percursos Pedestres do Marco de Canaveses terminará com um convívio gastronómico, a partir das 14h00, estando ainda disponível para visita uma exposição das atividades das associações e clubes participantes.

TAXA DE INSCRIÇÃO
5 Festivais - não sócios
2 Festivais - para sócios com as quotas atualizadas
GRÁTIS para crianças até aos 12 anos e para Sócios com Carta de Montanheiro atualizada
Para evitar filas, proceda às inscrições até 12 de maio de 2017, através dos seguintes emails:
aaro_2003@sapo.pt / amoura@japautomotive.pt (Nome completo, data de nascimento e Número do Cartão do Cidadão).
Contatos para mais informações:
917 843 892 (Arménio Moura)
919 209 041 (António Mendes)
939 413 607 (Gil Magalhães)

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
O Comando Territorial de Viseu, através do Núcleo de Investigação Criminal de Mangualde, deteve ontem, dia 20 de abril, quatro homens com idades compreendidas entre os 20 e os 60 anos, por tráfico de armas, nos distritos de Viseu e Guarda.

No âmbito de uma investigação, que decorria há cerca de um ano, foram realizadas 14 buscas domiciliárias e 14 não domiciliárias, tendo sido apreendido:
•         Três armas de fogo;
•         128 munições de diversos calibres;
•         Três armas de ar comprimido;
•         Três miras telescópicas;
•         Um silenciador;
•         Duas armas brancas;
•         Três petardos;
•         Nove doses de cocaína;
•         Duas doses de haxixe;
•         Um veículo;
•         11 telemóveis;
•         191 peças de vestuário contrafeitas;
•         1 160 euros em numerário.
Os suspeitos foram constituídos arguidos e sujeitos a termo de identidade e residência estando, neste momento, a ser presentes ao Tribunal Judicial de Viseu.

Foram ainda constituídos arguidos quatro homens com idades compreendidas entre os 20 e os 62 anos.

A operação contou com o apoio de militares dos Comandos Territoriais de Vila Real, Guarda e Coimbra, da Unidade de Intervenção e de agentes da Polícia de Segurança Pública de Viseu e da Guarda.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
Maria de Jesus Dantas, cirurgiã do Centro Hospitalar do Tâmega e Sousa (CHTS), venceu o Prémio Bial Medicina Clínica 2016. O prémio, no valor de 100 mil euros, distingue o trabalho desenvolvido e os resultados obtidos pela equipa da Consulta Multidisciplinar do Pé Diabético que regista a mais baixa taxa de amputação a nível nacional.

A cerimónia de entrega dos prémios realizou-se hoje, 21 de abril, na reitoria da Universidade Nova de Lisboa e contou com a presença do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa e várias personalidades relevantes na área da saúde.

O trabalho ‘Pé Di@bético – soluções para um grande problema’ aborda os resultados obtidos com a implementação de um plano de tratamento multidisciplinar, nomeadamente ao nível do ensino terapêutico, com a criação de várias ferramentas informáticas para o melhorar o tratamento do pé diabético.

Os bons resultados deste projeto, liderado por Maria de Jesus Dantas, são fruto do trabalho de equipa desempenhado por enfermeiros e médicos de várias especialidades, podologista, técnicos de informática, entre outros.

“O Pé Diabético é uma causa que tem cativado, felizmente, a colaboração de muitos profissionais de excelência e aos quais basta o prémio de manter um diabético a caminhar sobre os dois pés durante toda a sua vida”, salienta a responsável pela Consulta Multidisciplinar de Pé Diabético.

Maria de Jesus Dantas afirma que “os resultados de excelência da Consulta Multidisciplinar de Pé Diabético refletem a paixão, a dedicação e resiliência de pessoas que se entregam ao seu trabalho. Não posso deixar de salientar o trabalho da Dra. Sara Serra, Dra. Alexandra Lopes e das Enfermeiras Helena Brandão e Fátima Santos, que constituem o ‘núcleo duro’ da consulta, com uma competência extraordinária na orientação dos doentes”.

“Não era, também, possível, atingir os resultados alcançados sem a preciosa e ágil colaboração do Serviço de Cirurgia Vascular, nas pessoas de Dr. João Almeida Pinto, Dr. João Vasconcelos, Dr. José Carlos Vidoedo e Dr. Miguel Maia e da consulta de Ortopedia do Pé, na pessoa do Dr. Júlio Marinheiro. São, ainda, muito valiosas a colaboração da Consulta da Dor Crónica, da responsabilidade do Dr. César Preto e do Serviço de Cirurgia Plástica, nas pessoas do seu responsável Dr. Eduardo Monteiro e Dra. Maria João Bastos. Muitos outros por lá passaram e deram um contributo fundamental que gostaria de referir um por um”, conclui a cirurgiã.

‘Pé Di@bético – soluções para um grande problema’

Os problemas do pé são uma complicação comum da diabetes, resultando em graves consequências médicas, sociais e económicas para o doente e para a sociedade em geral. São a principal causa de ocupação das camas hospitalares pelos diabéticos, consumindo importantes recursos de saúde e responsáveis por mais de 60% das amputações não traumáticas dos membros inferiores. No nosso país, são amputados cerca de 5 doentes por dia devido à diabetes.

Numa fase inicial, o estudo concentrou-se nos resultados da Consulta de Pé Diabético do CHTS que, desde cedo, chamaram a atenção pelas baixas taxas de amputação major, abaixo da média nacional e do Norte do país, caindo para valores nunca antes alcançados - 0,95 por cada 100 mil habitantes - levando assim a uma reflexão acerca das metodologias adotadas.

De seguida, o fundamental, de acordo com Maria Jesus Dantas, “foi implementar este plano de tratamento do pé diabético nas suas variadas vertentes que resultou da experiência acumulada ao longo de 18 anos num hospital distrital, durante os quais a consulta, que inicialmente dispunha apenas das condições assistenciais básicas, foi expandindo e adquirindo novas valências, até atingir o nível máximo de diferenciação, o nível III”.

“Este modelo foi de implementação simples, sem encargos financeiros relevantes e conduziu a resultados fortemente encorajadores e facilmente replicáveis noutros hospitais do Serviço Nacional de Saúde (SNS) ”, acrescenta ainda a responsável da Consulta Multidisciplinar do Pé Diabético.

Prémio BIAL

O Prémio Bial é atribuído bianualmente e é considerado um dos maiores na área da saúde na Europa, distinguindo a investigação básica e clínica em medicina.

Criado em 1984, o prémio recebeu 655 obras candidatas de 1.591 médicos e investigadores de 20 países. A Fundação BIAL distinguiu já 266 autores responsáveis pelas 99 obras premiadas. No total, já foram editadas 37 obras, distribuídas gratuitamente pela comunidade médica, num total de mais de 312 mil exemplares, segundo os números da Fundação.

A Fundação foi constituída em 1994 pelos Laboratórios Bial, em conjunto com o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas.

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
No âmbito das atividades de dinamização cultural do Município, o Presidente da Câmara Municipal do Marco de Canaveses, Manuel Moreira, convida a população para a inauguração da exposição “Cartoons e Caricaturas de Santiagu”, a realizar no dia 25 de abril de 2017 (terça-feira), às 17h30, no Espaço Arte do Museu Municipal Carmen Miranda.

Santiagu é o pseudónimo artístico de António Santos, professor de Educação Visual na Escola EB 2/3 de Toutosa, no Marco de Canaveses.

Esta exposição, patente ao público até ao dia 25 de maio, é constituída por quarenta trabalhos, entre cartoons e caricaturas, que abordam temáticas ligadas à política nacional e internacional, à televisão, às artes e espetáculos, entre outras.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
O Presidente da Câmara Municipal do Marco de Canaveses, Manuel Moreira, informa a população que a próxima reunião pública de Câmara realiza-se na Sede da Junta de Freguesia de Avessadas e Rosém, sita Rua da Mória, Nº 20, no dia 27 de abril de 2017, quinta-feira, pelas 15h00 horas.

Mais se informa que, a referida reunião é aberta a toda a comunidade.
Por Notícias de Resende | | Publicado em | Com 0 comentários
O “Portugal Sou Eu” preparou um programa especial para comemorar o Dia da Produção Nacional, que se celebra a 26 de abril. O programa, que se irá desenvolver com iniciativas em todo o País, conta com três grandes momentos:

O primeiro acontece logo na manhã de 26 de abril, com a abertura da “Praça Portugal Sou Eu”, na Estação de Metro a Trindade, no Porto. Cerca de 40 Empresas Aderentes ao programa farão uma mostra de produtos com o Selo “Portugal Sou Eu”, entre as 10 e as 19 horas dos dias 26 e 27 de abril.
O segundo decorre às 19 horas, no Cais da Rocha do Conde de Óbidos, em Lisboa, com a inauguração do “Tour Portugal Sou Eu”, protagonizado por uma carrinha que levará as mensagens do programa a 16 cidades em 14 distritos, num total de mais de 1800 quilómetros.
O terceiro, e último, acontece no Navio Escola Sagres, com a apresentação das mais recentes novidades do programa e uma degustação, confecionada com produtos das Empresas Aderentes ao programa.

O programa de Lisboa deverá contar com a presença do Primeiro-ministro, António Costa, e de vários membros do Governo (a confirmar), dos Parceiros e dos Embaixadores do programa “Portugal Sou Eu”.

Agenda Porto:
“Praça Portugal Sou Eu” – Mostra produtos/serviços Selo “Portugal Sou Eu”
26 e 27 abril 2017
10h00 às 19h00
Estação de Metro da Trindade, Porto
Entrada gratuita

Agenda Lisboa:
Inauguração e apresentação do “Tour Portugal Sou Eu”
Apresentação da Campanha Institucional “Portugal Sou Eu”
26 abril 2017
18h45 às 20h30
Terminal da Rocha do Conde de Óbidos, Lisboa

Por Notícias de Resende | quinta-feira, 20 de abril de 2017 | Publicado em , , , | Com 0 comentários
“Incontornáveis na geografia sentimental e literária de Aquilino Ribeiro, as Terras do Demo que o escritor batizou são agora o melhor chamariz turístico dos concelhos de Moimenta da Beira, Vila Nova de Paiva, Sernancelhe e Aguiar da Beira. Entre penedos e serranias, ermidas e solares há uma “terra de que ninguém faz ideia” mas que vale “uma volta pelo Chiado”. Venha descobri-la pelos passos de Aquilino”. O convite é da “Lifecooler”, o portal de Turismo e Lazer mais visitado em Portugal, com um milhão de visitas mensais, fundado em 2001 e que conquistou não só o reconhecimento do público como marca de lazer em Portugal, como também a validação do Turismo de Portugal e da Deloitte que lhe atribuíram o Prémio Nacional de Turismo.

No território de Moimenta da Beira, o roteiro passa em Soutosa, pela Fundação Aquilino Ribeiro, Casa-Museu e Biblioteca, aldeia onde o escritor passou parte da infância e encontrou inspiração para muitas das suas obras, passando a trazê-la “nos poros, no sangue e no cérebro”.

O itinerário chega ainda à Barragem de Vilar, “que mudou para sempre a paisagem desta região” (Aquilino morreu dois anos antes da sua inauguração), e termina na sede de concelho, Moimenta da Beira, vila ancestral que “reclina-se numa encosta, tão branda, que o casario a desce quase impercetivelmente”.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
A cidade de Lamego vai voltar a promover o maior evento de arte equestre realizado na região do Douro: a Grandiosa Feira de Santa Cruz. De 28 de abril a 3 de maio, este certame cheio de tradição oferece diariamente um programa de grandes iniciativas, no qual o cavalo é o centro de todas as atenções.

No conjunto de eventos, de carácter gratuito, que a edição deste ano apresenta destaca-se, mais uma vez, a realização das populares Corridas de Passo Travado – Concurso Único, Prémio “Rufino Rilhado” a atribuir ao conjunto cavaleiro/cavalo que melhor se apresentou na corrida, bem como a Corrida de Galope Amador.

Ao longo destes dias, a beleza ímpar do mundo equestre também estará em destaque em muitas outras ocasiões, nomeadamente no Concurso de Salto de Obstáculos, na Gala Equestre - Miguel Fonseca, nos desfiles e passeios de charretes e na demonstração de equitação clássica, a cargo de Jorge Teixeira.

Os milhares de aficionados que por estes dias costumam visitar a cidade de Lamego vão ter ainda muito mais para admirar: a tradicional Feira Anual, uma noite de fados no emblemático Teatro Ribeiro Conceição com a presença de artistas locais e regionais e aulas de equitação abertas à população na Av. Dr. Alfredo de Sousa.

Conhecida popularmente por “3 de Maio”, a Feira de Santa Cruz, uma iniciativa organizada pela Câmara Municipal de Lamego, em parceria com outras instituições, visa valorizar a arte equestre e promover o convívio e a boa disposição entre a população.

PROGRAMA FEIRA DE SANTA CRUZ (3 DE MAIO)
28 de abril – Sexta-feira
21h30      E           Noite de fados com artistas locais e regionais

29 de abril – Sábado
10h00      C           Passeio equestre – (circuito zonas rurais)
16h00      B         Concurso de Salto de Obstáculos
21h30    A           Gala Equestre - Miguel Fonseca
22h30    A           Desfiles e Passeios de charretes

30 de abril - Domingo
10h30    A             Aulas de equitação abertas à população
15h30   A              Desfiles e Passeios de charretes
21h30    A             Demonstração de Equitação Clássica - Jorge Teixeira

1 de maio - Segunda-Feira
9h30      C              Passeio equestre  - Reunião de Cavaleiros (Praça Dr. Fernando Amaral)
10h30   Passeio equestre pelas ruas da cidade de Lamego

3 de maio - Quarta-Feira
7h00  Feira Anual
14h30    B             Corridas de Passo Travado – concurso único; Prémio “Rufino Rilhado”
17h30    B             Corrida de Galope Amador
A – Avenida Dr. Alfredo de Sousa
B – Picadeiro da Praça Dr. Fernando Amaral
C - Praça Dr. Fernando Amaral – Boxes
D – Centro Escolar de Lamego
E – Teatro Ribeiro Conceição

Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
No desporto de competição, a vitória e as pressões que se exercem nesse sentido, provocam ocorrências marcadas por excessos incontroláveis de toda a ordem. Estes estão cada vez mais presentes junto da opinião pública, transformados semanalmente em novos casos, graças às novas tecnologias como os telemóveis equipados com câmaras.

A cooperação é substituída pela confrontação e mesmo a concorrência dentro da equipa tende a agudizar-se por inversão dos valores que deviam estar sempre associados à prática desportiva. A vitória mesmo que inconsequente e pontual, é engrandecida de forma desmesurada e sem sentido. O adversário torna-se num inimigo; o fair-play é uma treta; a lealdade está desvalorizada; ultrapassam-se todos os limites em nome desse momento fugaz, na maioria das vezes: vitória.

Enquanto os valores do desporto eram subtraídos aos escalões seniores de competição profissional, ainda era possível acreditar nas virtualidades do desporto de formação. Contudo, a realidade com que nos deparamos actualmente é a de que o exemplo está a ser seguido. Assim, como as crianças seguem os exemplos dos adultos, também no desporto os clubes (dirigentes, treinadores, ”claques”) imitam os grandes clubes. Os maus exemplos são quase sempre os primeiros a serem apreendidos e praticados!
Não constitui novidade que para se atingirem resultados de nível mundial nas várias modalidades é preciso muito dinheiro. A questão está em avaliar o sentido que privilegiamos na prática desportiva, onde de um lado da balança temos a vitória, e no outro, os valores do desporto, de modo a redefinir-se a importância de cada um. Temos de admitir que ao darmos ênfase à vitória, estamos a comprometer seriamente o valores da formação desportiva. Cada clube tem a sua génese e nem todos são de alta competição. Nem por isso deixam de ser mais ou menos importantes.

Temos de fazer o caminho inverso ao actual, em que se olha a formação como se de alta competição se tratasse. A prática desportiva não profissional tem de ser vista sobre uma ótica humanizante, civilizacional e entendida como parte essencial do processo de educação para a cidadania. Cabe-nos fazer a opção entre uma formação para a valorização humana ou mantermos tudo na mesma, sem resultados formativos aceitáveis. Seja qual for o caminho escolhido, intencionalmente ou não, a nossa postura nunca se apresenta como neutra.

O nosso dever é o de formar desportistas que questionem, que sejam críticos, que pensem o desporto em todas as suas dimensões: lúdica, desportiva, social, económica, cultural, … e não atletas descartáveis consoante a expressão da sua prestação desportiva. Ensinar a pensar o jogo e a tomar decisões. O jovem tem de ser formado com uma visão que ultrapassa a mera discussão sobre convocatórias, titulares, substituições. Devemos despertá-lo para a consciência crítica perante as expressões negativas do fenómeno do desporto como o fanatismo, a utilização do desporto como escape para os problemas sociais e económicos, a violência patente e latente nos jogos ou a ausência de ética desportiva.

A ênfase colocada no sucesso a qualquer preço contribui para a instauração de uma crise de valores, de um vazio marcado pela ausência de sentido. Os atos deviam estar articulados com as teorias. O politicamente correto não resulta. Os projetos esfumaçam-se. Neste sentido impõem-se medidas necessárias e adequadas, aplicando-as sem olhar a nomes ou cargos. Não meras iniciativas de cosmética. Corremos o sério risco de sermos acusados pelas gerações vindouras, de lhe termos passado um “testemunho” engrandecido de pequenos “nadas”.

 Infelizmente não somos uma influência positiva para as nossas crianças. Temos de incentivar uma nova cultura educativa do desporto, assertiva e viva. Ela está intrínseca ao próprio desporto, e o nosso objetivo é fazer dele o que julgamos mais assertivo, ou seja, não é o desejo de eliminá-lo que interessa, mas o de transformá-lo.

texto de vítor santos 2017© 
ilustração de Paulo Medeiros

Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
O constitucionalista Vital Moreira e a ministra da Presidência e da Modernização Administrativa Maria Manuel Leitão Marques vão estar presentes nas comemorações do 25 de Abril, em Moimenta da Beira.

Na sessão solene, que terá lugar no Salão Nobre dos Paços do Concelho a partir das 11h30, Vital Moreira dará uma conferência sobre a “Constituição da República Portuguesa”, documento que ajudou a redigir (1975/1976) e que entrou em vigor a 25 de abril de 1976. O constitucionalista é por isso um dos ‘pais’ da Constituição.

A ministra da Presidência e da Modernização Administrativa encerrará a sessão solene. Maria Manuel Leitão Marques é conhecida pela senhora “Simplex”, o megaprograma destinado a agilizar o funcionamento da máquina do Estado e a travar a burocracia do funcionamento da Administração Pública. O Governo eletrónico, a "empresa na hora" ou o cartão do cidadão são algumas das tarefas que cumpriu e que vieram para ficar.

Programa Geral
09h00 – Sons de Abril (sonorização ambiente junto aos Paços do Concelho)

09h30 – Passeio do 25 de Abril (organização do Clube de Cicloturismo “Pedaladas” e da Junta de Freguesia de Moimenta da Beira - início em frente aos Paços do Concelho)

11h00 – Concentração nos Paços do Concelho
- Içar das Bandeiras e Hino Nacional com guarda-de-honra pelo Corpo de Bombeiros Voluntários de Moimenta da Beira - As crianças da AMAI cantarão em coro o Hino Nacional
               
11h30 – Sessão Solene comemorativa do 43º Aniversário do 25 de Abril, pela Assembleia e Executivo Municipais
- À saída atuará o Grupo de Cantares dos Funcionários da Câmara Municipal de Moimenta da Beira

12h45 – Visita às instalações da Associação Moimentense de Apoio à Infância (AMAI)

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
A Escuro, a Rádio nas Terras do Demo, faz 31 anos a 27 de Abril e celebra a data dois dias depois, a 29.

A festa de aniversário está marcada para o Parque Botânico Arbutus do Demo, em Vila Nova de Paiva e conta com duas conferências. José Vítor Malheiros, jornalista e comentador, vem falar de Jornalismo. Mário Marques, geógrafo e especialista em riscos naturais, falará dos riscos associados à tomada de decisões.

Na tarde desse Sábado será ainda apresentado o novo magazine das Terras do Demo, editado pela Rádio Escuro.

31 Anos depois da sua fundação a Rádio mantêm-se na propriedade de uma cooperativa, que junta 46 sócios, entre particulares e instituições, que comungam deste projecto de comunicação social que serve as Terras do Demo, o Alto Paiva e grande parte do distrito de Viseu.

“Concluída a modernização dos estúdios a Rádio tenciona continuar a pugnar pela informação livre e um jornalismo descomprometido em prol de uma região que por aquilo que faz merece reconhecimento”, adianta o director da estação. “E é com muita satisfação que continuamos a merecer a preferência de uma vasta audiência e é para esses que vamos continuar a produzir informação e entretenimento sem esquecer a nossa missão de porta-vozes das Terras do Demo”, afiança Paulo Tavares. O director acrescenta que “a região precisa de visibilidade e a Rádio irá editar um magazine, mensal, que mostrará o melhor do que se faz nas Terras do Demo”. “Importante também, pelo reconhecimento, é o facto de termos, neste aniversário, a parceria institucional das autarquias de Vila Nova de Paiva, Moimenta da Beira e Sernancelhe – que constituem as Terras do Demo, motivo de orgulho mas também de enorme responsabilidade que não enjeitamos e vamos continuar a fazer por merecer”.
Por Notícias de Resende | quarta-feira, 19 de abril de 2017 | Publicado em , , , | Com 0 comentários
A Câmara Municipal, em parceria com a Academia das Artes do Marco de Canaveses - Artâmega, traz à cena, nos dias 29 de abril e 6 de maio, a peça "O Inspetor", da autoria do escritor russo Nikolai Gógol.

Com encenação de Sandra Ribeiro, o Curso Livre de Teatro de Adultos da Artâmega apresenta esta peça, publicada em 1836, que retrata a visita anunciada de um Inspetor que faz desencadear um processo em que a corrupção, a fraude, o medo e a intriga são a matéria com que se constrói uma das mais corrosivas e hilariantes comédias russas do período pré-revolucionário. O fato que revigora a trama é a chegada de um farsante que finge ser o inspetor para ser tratado bem.

A atualidade do humor de Gógol faz desta peça um clássico da sátira universal.

Integrado na iniciativa Ciclo de Teatro do Marco de Canaveses, o espetáculo terá lugar no Salão Paroquial de Sande (dia 29 de abril)   e na  Sala de Espetáculos do Marco Fórum XXI (dia 6 de maio), pelas 21h30.

A entrada livre e gratuita.

Por Notícias de Resende | | Publicado em | Com 0 comentários
“A história das aparições de Fátima - Portugal e o mundo da sua época”, do historiador José de Car- valho e editada pela Edições Esgotadas, promete surpreender os seus leitores com uma mensagem destinada tanto aos devotos da Nossa Senhora como aos mais céticos.

O autor, através de um texto rigoroso, fundamentado e de caracter informativo, revela acontecimentos históricos do século XX. É uma obra que possui uma coleção de imagens que remetem o leitor para tempos antigos e incomparáveis, mostrando, também, como, ao m de cem anos, “ainda há muito para tirar do tesouro da Mensagem. Basta ter os olhos e os ouvidos abertos com a simplicidade dos pastorinhos”, tal como refere João César das Neves no prefácio do livro.

Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
Esta sexta-feira que aí vem, 21 de abril, quatro dias antes das comemorações-maiores do Dia da Liberdade (que Moimenta da Beira festejará oficialmente, com pompa e circunstância), há “Cantigas de Abril”, um concerto com canções de Zeca Afonso e outros autores da revolução, no Auditório Municipal Padre Bento da Guia (21 horas), em Moimenta da Beira. São músicos convidados: Vitor Sarmento (viola e voz) e Luís Pires (piano e coros). A poesia é da ‘Orfeus Theatrum/Karisminovador’. A entrada é livre a aberta a toda a comunidade.

A iniciativa, da “Karisminovador”, uma associação do concelho que tem vindo a desenvolver inúmeras iniciativas de âmbito cultural, nomeadamente oficinas de teatro, dirigidas a diversas faixas etárias, conta com o apoio da Câmara Municipal de Moimenta da Beira.