[ ]
Notícias de Última Hora
Por Notícias de Resende | quarta-feira, 1 de abril de 2015 | Publicado em , | Com 0 comentários
A Escola de Futsal “Os Afonsinhos” realizou o I Estágio de Futsal da escola, entre os dias 23 e 25 de março, no Pavilhão Desportivo de S. Martinho de Mouros. Na iniciativa, que contou com o apoio do Município de Resende e da Junta de Freguesia de S. Martinho de Mouros, participaram 40 crianças de ambos os sexos, que ao longo de três dias, para além de treinarem, desenvolveram atividades lúdicas e recreativas.

Assim, do programa de atividades constaram treinos bi-diários de futsal, onde os atletas receberam instruções técnicas e táticas, palestras de motivação sob a orientação da psicóloga Dulce Almeida, dicas sobre alimentação saudável com Eliana Joaquim e uma formação de suporte básico de vida ministrada pelo Bombeiro Ismael Pereira apoiado pela Bombeira Vitória.

Não faltaram, ainda, outras atividades lúdicas e desportivas como karaoke, ténis de mesa, basquetebol e informática, sendo que os três dias de estágio terminaram com um concerto musical protagonizado por Cláudia Severino.

“Os Afonsinhos” é uma escola de futsal com sede na freguesia de S. Martinho de Mouros, direcionada para crianças com idades compreendidas entre os 5 e os 14 anos, masculinos e femininos, nos escalões Traquinas, Benjamins, Infantis e Iniciados.  O fundador, Marcos Antunes, afirma que o objetivo da escola é “ensinar a modalidade de futsal associada a valores como a amizade, socialização e excelência escolar”.

A escola tem uma parceria com o Sport Lisboa e Benfica em que este clube se compromete a disponibilizar atletas para visitar a escola e técnicos para dar formação, participar em torneios conjuntos a realizar na Luz e em S. Martinho de Mouros, facultar material de treino para jogadores e técnicos e dar prioridade à contratação de atletas com potencial dos “Afonsinhos”.

in Câmara Municipal de Resende
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
No passado dia 28 de Março a Concelhia do PS de Resende organizou um jantar convívio no qual, entre militantes e simpatizantes, estiveram presentes cerca de 800 pessoas.

Pedro Bacelar Vasconcelos, Secretário Nacional do Partido Socialista marcou presença em representação da Direção Nacional. O mesmo afirmou no seu discurso que: “Há 4 anos quando este governo iniciou campanha eleitoral o que é que eles nos diziam? Que o país estava uma desgraça, que os culpados da desgraça do país eramos nós, o governo socialista. Eles entendiam que não era admissível pedir mais sacrifícios ao povo. Lembro-me como se fosse hoje, no ato da tomada de posse do atual Presidente da República, Cavaco Silva dizer “Não é possível pedir mais sacrifícios aos portugueses” Garantiram, prometeram tudo. Despedimentos na função pública? Nem pensar! Encerramento de Serviços? Nem pensar! O que é que fizeram? A partir do primeiro dia que chegaram ao governo fizeram tudo, mas absolutamente tudo, ao contrário da narrativa que inventaram para derrubar o Partido Socialista. Aquilo que assistimos foi à negação cabal de todas as expectativas que garantiram durante a época eleitoral. O que assistimos é que tudo o quanto eram críticas e acusações feitas por parte da oposição ocorreram durante estes 4 anos de governo. O desemprego; a ausência de cuidados de saúde; a dificuldade em obter serviços de justiça; a diminuição e cortes dos salários, o aumento dos impostos; a crise económica que nos rodeia essa mantem-se dura e cravada bem fundo na nossa pele. E todos nós o sabemos porque a suportamos amargamente ao longo destes 4 anos. Ao contrário do que dizem os governantes nada melhorou neste país. Bem pelo contrário, a situação agravou-se, as reformas não se fizeram, a dívida subiu, agravou-se. Exige-se que em Portugal mas também em Bruxelas, junto dos nossos parceiros da União se consiga dar expressão a um profundo descontentamento que reclama governos mais atentos e responsáveis perante os seus próprios povos. Temos que nos mobilizar para o combate, denunciar as mentiras e os enganos deste governo.”

O jantar contou ainda com as intervenções de Garcez Trindade, Presidente da Câmara Municipal de Resende; Jorge Caetano, Presidente da Concelhia do PS e António Borges, Presidente da Federação de Viseu.

Garcez Trindade pediu união à população. “Gostaria de agradecer a vossa presença neste jantar convívio do PS, vocês que são o nosso batalhão do combate que está quase a chegar. Nós em Resende temos que contribuir para a vitória do Partido Socialista nas eleições legislativas de Outubro. Resende tem sido absolutamente ofendido pelo governo atual. No ano passado perdemos o nosso Tribunal e o Serviço de Atendimento Noturno do Centro de Saúde. As pessoas que querem tratar das suas ações judiciais têm que se deslocar a Viseu ou Lamego. Um nosso conterrâneo adoeceu subitamente a 30 m do Centro de Saúde e acabou por falecer a caminho de Cinfães por não ter um médico para o assistir em Resende. Diminuíram ao complemento de solidariedade dos idosos, diminuíram ao abono de família, ao RSI, os pobres ficaram mais pobres, as pessoas estão a passar mal em Resende. Temos que nos insurgir com isto tudo. É inadmissível, estão a tirar-nos a dignidade. Temos que nos unir, que trabalhar! Se vocês todos que aqui estão forem lá para fora comunicar isto às pessoas vamos quadruplicar os votos. É isto que vocês têm que fazer, é esta a nossa luta. Podem dizer que tenho um discurso negativo, mas não. Eu digo a verdade. E é o que vocês têm que fazer lá fora, digam a verdade, digam quem nos tem trucidado, desqualificado, prejudicado, tirado a nossa dignidade. Peço-vos que lutem para que efetivamente derrubemos este governo que tão mal nos tem feito.”

O Presidente da Concelhia do PS, Jorge Caetano, salientou as dificuldades com que nos debatemos com o governo atual. “O momento que todos vivemos, em Resende; no País e na Europa, obriga-nos a encarar os próximos combates políticos com uma enorme Responsabilidade! A Responsabilidade de quem sabe que um novo paradigma da Politica e dos Políticos se instalou na sociedade. Tem sido muito difícil observar a Direita e a Comunicação Social a instrumentalizar os dados e as noticias sobre o despesismo dos Governos do Partido Socialista. Ouvir e ler, todas as campanhas que atentam contra a seriedade e competência dos ex-governantes do Partido Socialista. Foi difícil quando o Governo PSD-CDS fechou o nosso tribunal, tornando o acesso à justiça em Resende mais caro e mais distante. Quando encerrou a nossa Urgência noturna. Tem sido muito difícil para um concelho do Interior, como o nosso, ver o Estado a abandonar centenas de famílias, cortando-lhes os apoios e as prestações sociais, lançando para a pobreza os mais frágeis e os mais necessitados. Este não é o discurso do pessimismo. É a realidade! Orgulham-se de ter os cofres cheios à custa da redução de salários, por terem cortado milhares de prestações sociais, à custa da maior redução no orçamento para a saúde. Temos que ter uma voz firme e dizer-lhes olhos nos olhos que não queremos os cofres cheios à custa do empobrecimento dos Portugueses. Temos que dizer aos Portugueses que as exportações aumentaram porque tivemos governos do partido socialista que apostaram na inovação tecnológica do País, que apostaram nas energias renováveis e na modernização das infraestruturas, que acreditaram no potencial empreendedor dos Portugueses! Este terá que ser o nosso caminho! Um caminho assente na obra geradora de oportunidades e de emprego.

António Borges demonstrou o seu apoio à luta dos resendenses. “Queria testemunhar o meu grande apreço pelo nosso Presidente da Câmara. Não é fácil o lugar que ele ocupa. Não tem sido fácil mas todos reconhecemos é um grande camarada, que merece o nosso apoio, que estejamos sempre ao seu lado. È ele que leva na mão aquilo que são os nossos valores de sempre, as nossas ambições de sempre. E esses valores são os do Partido Socialista, do Desenvolvimento, da Igualdade, da Fraternidade, que todos nós reconhecidamente cultivamos em Resende. Independentemente das circunstâncias a minha presença, mais como resendense não tanto como presidente da Assembleia Municipal e da Federação Socialista, é para vos dizer que sempre estarei ao lado do nosso Presidente da Câmara, do nosso Presidente da Concelhia, dos militantes do PS, daquilo que é a ambição de fazermos da nossa terra uma terra fraterna, de oportunidades e uma terra onde como sempre sejamos capazes de reforçar o orgulho resendense. Nós temos a obrigação de nas próximas eleições legislativas de estar à altura da nossa responsabilidade enquanto pais, filhos e cidadãos. Temos que nos perguntar se são estes os governantes que merecem a nossa confiança. A grande oportunidade que todos nós temos de voltar a um ciclo de prosperidade, ambição e confiança no futuro existe nas próximas eleições legislativas. Façamos das próximas eleições um momento de decisão para o futuro da nossa terra e para o futuro do nosso país.”

O evento serviu para mostrar o descontentamento quanto às reformas políticas do governo atual e ainda o de consciencializar a população socialista dos direitos enquanto cidadãos e dos deveres nas próximas eleições legislativas. 
Por Notícias de Resende | terça-feira, 31 de março de 2015 | Publicado em , | Com 0 comentários
Cíntia Machado
Fileira do Pescado
Há quem pense que uma alimentação equilibrada fica cara e que o peixe é um luxo inacessível para orçamentos mais reduzidos. Apesar de a proteína do peixe ser muito mais benéfica para a saúde do que a da carne, nem todas as famílias a incluem regularmente na lista de compras, por acharem que fica cara. Não é assim!

Para ter refeições de peixe, saborosas e nutritivas, não precisa de gastar uma fortuna. Aliás, ao contrário das ideias feitas que existem, os peixes mais baratos, disponíveis no mercado e capturados no nosso mar, como a cavala, o carapau ou a sardinha, são os mais benéficos para a saúde. São muito ricos em ácidos gordos polinsaturados, como os Ómega 3 e Ómega 6, substâncias muito importantes para a saúde, sobretudo ao nível do sistema circulatório e imunitário.

O peixe congelado é outra opção para refeições económicas e saudáveis, pois é mais acessível que a maioria do pescado fresco, tem os mesmos valores nutricionais e está sempre pronto a preparar. A descongelação é um processo e deve-se, de preferência, descongelar na embalagem de compra, no frigorífico. Não sendo possível, pode-se usar o micro-ondas ou optar pela cozedura sem previamente descongelar, em alguns casos.

Temos também que falar nas conservas portuguesas, acessíveis e versáteis, com que rapidamente se prepara uma refeição para toda a família, a preços controlados. O bacalhau é outra boa opção para cortar nos custos, mas não no sabor. Dependendo do seu tamanho, existe no mercado a preços acessíveis, e é um fiel amigo para a saúde e para a carteira.

Ou seja, o pescado proporciona refeições completas, do ponto de vista nutricional, e com elevados benefícios para a saúde e para a manutenção de um peso saudável. Claro que o peso calórico de uma refeição com peixe depende muito do modo de confeção. Deve-se privilegiar os cozidos, grelhados e, sempre que se adicionar gordura, o azeite deve ser a escolhida!

Já sabe, é possível comer bem e barato. Se procura uma alimentação equilibrada, corte nas calorias, mas não desista do sabor! Descubra tudo aquilo que o mar lhe oferece. Vá ao mercado e deixe-se tentar por um peixe diferente. Na secção de congelados, descubra as novidades! E lembre-se que não há só conservas de atum e sardinha!
Por Notícias de Resende | segunda-feira, 30 de março de 2015 | Publicado em , , | Com 0 comentários
Pelo terceiro ano consecutivo, a Câmara Municipal do Marco de Canaveses associa-se à campanha “Light It Up Blue - Acendam a Luz Azul” (dinamizada, em Portugal, pela Associação Vencer Autismo), para assinalar o Dia Mundial da Consciencialização do Autismo, o que acontecerá no próximo dia 2 de Abril, data designada pela Assembleia Geral das Nações Unidas.

Assim, o edifício da Câmara Municipal do Marco de Canaveses voltará a ser iluminado de azul, numa acção de sensibilização e consciencialização da população para a problemática do autismo, assim como para homenagear todas as pessoas e respectivas famílias que diariamente vivem esta realidade.

Com o objetivo de sensibilizar a população, desmistificar o distúrbio do autismo e perseguir um maior envolvimento na iniciativa, a Câmara Municipal do Marco de Canaveses desafia todas as entidades concelhias, associações, serviços e comércio local a iluminarem-se de azul, a decorarem a vitrines das lojas de azul ou simplesmente a vestirem uma peça de roupa azul, como forma de chamar a atenção para esta causa.

O autismo é uma perturbação neurobiológica complexa que afecta a comunicação, o comportamento e as relações sociais. É uma fonte de preocupação crescente no domínio da saúde pública a nível mundial, que atinge cerca de 67 milhões de pessoas no mundo.

Adira ao Movimento “Light It Up Blue - Acendam a Luz Azul” por uma sociedade mais consciente e atenta à problemática do Autismo!
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
O sabor genuíno dos produtos de Baião e a hospitalidade atraíram milhares de pessoas à 10ª edição da Feira do Fumeiro e do Cozido à Portuguesa de Baião, durante três dias intensos de festa (27 a 29 de março).

A inauguração da feira coube ao vice-presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira que percorreu o recinto acompanhado, pelos vereadores Ivone Abreu, Henrique Ribeiro, José Lima e Anabela Cardoso, pelo presidente da cooperativa Dólmen, Telmo Pinto e por representantes das forças vivas do concelho. “O objetivo desta feira inscreve-se numa linha de promoção de Baião pela positiva à semelhança do que se passa com muitas outras iniciativas, contribuindo desta forma para dinamização económica de vários sectores, especialmente o turismo e o agro – pecuário”, observou Paulo Pereira, para quem a dimensão atingida por esta iniciativa é um orgulho para todos nós.


PRODUTOS MUITO APRECIADOS E ANIMAÇÃO DIVERSIFICADA

O certame contou com a presença de 14 produtores de fumeiro e  6 unidades de restauração, que escoaram em forma de produto ou de refeições, muitos dos enchidos produzidos no território concelhio ao longo do ano: estima-se que tenham sido confecionadas no recinto e nos restaurantes vizinhos cerca de 8 mil refeições e vendidas 12 toneladas de fumeiro (vendas diretas aos visitantes da feira e fumeiro utilizado pelos restaurantes na confeção do Cozido à Portuguesa).

A acompanhar as refeições não poderia faltar o vinho verde da casta Avesso, já que foram escoadas  8  mil garrafas de vinho de Baião.

Para a sobremesa e para depois das refeições havia outras opções: a laranja da Pala transformada em sumo; os licores; as compotas; as amêndoas; os chocolates; os diversos doces e o famoso pão-de-ló de Santa Leocádia.

Não faltou também o tradicional biscoito da Teixeira, oriundo da freguesia que lhe dá o nome, o queijo de Gestaçô e a broa de milho que abasteceu os restaurantes e fez as delícias dos visitantes.

A animação do evento foi assegurada pela presença de grupos de música tradicional portuguesa, tocadores de concertinas e de cantares ao desafio, ranchos folclóricos, grupos de bombos e bandas musicais.

Destacaram-se, no sábado à noite, as atuações da finalista do programa da RTP “The Voice Kid´s”, Sara Monteiro e do artista nacional, Fernando Correia Marques.

Em paralelo a este evento, decorreu  no mesmo local a 8ª edição da Feira “Stock Off”, com a presença de diversas empresas baionenses. Esta iniciativa foi organizada pela Associação Empresarial de Baião e contou com o apoio do Município de Baião.


O FOCO DA COMUNICAÇÃO SOCIAL

O evento baionense mereceu uma atenção da parte da comunicação social, já que foram vários os órgãos noticiosos a visitar o recinto. Dois programas realizaram-se, inclusivamente, no espaço da feira e na envolvência, como sejam o programa "Em Foco", da Rádio Montemuro e "Portugal em Festa", da televisão SIC.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
Militares do Núcleo de Investigação Criminal (NIC) do Destacamento Territorial da Guarda Nacional Republicana de Lamego, com colaboração do Posto de Lamego, procederam à identificação de um indivíduo maior,   desempregado  e  residente  neste Concelho, por furto  de interior de residência com arrombamento. O suspeito terá furtado diverso material na noite de  26MAR15 e foi identificado na sequência de várias diligências de investigação criminal, que culminaram com a recuperação e apreensão do material furtado, após a realização de uma busca domiciliária.

Os artigos recuperados foram já reconhecidos e entregues ao seu proprietário.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
A ministra da Agricultura e do Mar, Assunção Cristas, anunciou em Viseu a aquisição de 59 viaturas para os sapadores florestais e a abertura de um concurso para constituição de mais 20 equipas, com cinco elementos cada. Criadas em 1999, existem atualmente 276 equipas de sapadores florestais no país. Na cerimónia esteve presente o Vice-Presidente do Município de Lamego, José Pinto, que destacou o trabalho desenvolvido pela equipa de sapadores de Lamego, constituída em 2008, e que resultou de um protocolo firmado entre a autarquia, a Autoridade Florestal Nacional e a Ribaflor- Associação Florestal das Terras de Ribadouro. “A sua atuação tem contribuído para a diminuição do risco de incêndios florestais no concelho, para além do serviço de vigilância que presta quando existe risco elevado ou muito elevado de incêndios, ou seja, no chamado período critico”. A juntar a isto, desenvolve uma atividade meritória em cumprimento do Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios, bem como no apoio ao combate a fogos florestais e a operações de rescaldo.

Nos últimos quatro anos, as equipas de sapadores florestais geriram 66 mil hectares de combustíveis, levaram a cabo 4500 ações de rearborização e procederam à beneficiação de 12 mil quilómetros de rede viária florestal e de 1650 pontos de água. Foram ainda responsáveis por 1650 dias de ações de sensibilização. Assunção Cristas enfatizou ainda que "esta é a primeira vez que algumas equipas são reequipadas desde a sua constituição. Como estamos a voltar a uma normalidade do ponto de vista financeiro, queremos que não se chegue a situações tão difíceis de degradação e que se possam ir renovando periodicamente, numa base anual".
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
A cidade de Lamego foi escolhida, por superior decisão de Sua Excelência o Presidente da República, Professor Doutor Aníbal Cavaco Silva, para receber, em 2015, as comemorações oficiais do Dia de Portugal, Camões e das Comunidades Portuguesas.

A Câmara Municipal de Lamego, em nome do município, das instituições locais e de todos os Lamecenses residentes e na diáspora, manifesta a sua gratidão a sua Excelência o Presidente da República pela honra e distinção que confere à cidade de Lamego.

Esta histórica decisão, de escolher uma pequena cidade do Interior do país como sede das comemorações do Dia de Portugal, constitui uma distinção honrosa para Lamego e para os Lamecenses, mas é, igualmente, o justo reconhecimento prestado pelo mais alto magistrado da nação à importância e ao contributo do Interior do país para a constituição e preservação do espírito e da identidade do povo português.

Hoje é seguramente um dia de grande emoção para os Lamecenses. A cidade de Lamego receberá esta cerimónia com o sentimento do regresso ao início da portugalidade e ao simbólico ato seminal das primeiras cortes, como reza a tradição, reunidas na Igreja de Almacave por D. Afonso Henriques, em agosto de 1143. Desde esses tempos, somos um povo forte e orgulhoso. Corre-nos nas veias o património genético dos povos guerreiros que aqui passaram, viveram e deixaram marcas de poder. Construíram esta nobre cidade, ajudaram à fundação da nacionalidade e moldaram uma região bafejada pelos privilégios da natureza e pela obra do Homem.

Lamego e o Douro, a sua população e as suas instituições, estarão à altura deste desafio que queremos que seja um momento de especial visibilidade da realidade económica, social e cultural da região, da nossa fidalguia e hospitalidade, das imensas capacidades e múltiplas potencialidades deste território, onde gerações sucessivas criaram, ao longo dos séculos, a paisagem cultural, evolutiva e viva que a Unesco classificou como Património da Humanidade.

Todos os Lamecenses saberão fazer deste momento especial de exaltação dos valores do patriotismo e da união entre todos os portugueses espalhados pelo mundo, um momento de afirmação da vontade e determinação que, ao longo da história multimilenar da nossa cidade, foi apanágio dos nossos antepassados que nos legaram o património e a história que tanto nos orgulha e que alavanca os fatores diferenciadores sobre os quais assentamos o nosso futuro.

O orgulho dos Lamecenses na sua história e património e nas suas notáveis instituições, onde pontificam a antiquíssima Diocese de Lamego e o Centro de Tropas de Operações Especiais, onde milhares de portugueses aprenderam a amar e honrar a pátria e daqui saíram para defender a liberdade e a independência nacional, será o fermento que envolverá toda a população na realização deste evento, na celebração da nossa identidade e na rejeição do pessimismo que tantas vezes nos paralisa.

Durante os dias do evento a cidade de Lamego terá o privilégio de receber os mais altos representantes da nação, o corpo diplomático acreditado em Portugal e alguns dos mais iminentes cidadãos nacionais que serão, aqui, justamente agraciados com o reconhecimento e louvor que o país lhes deve.

Aceitamos pois esta distinção como um desafio coletivo de afirmação do Interior e de confiança no futuro, firmados no sinal de vontade e empenhamento que sua Excelência o Presidente da República nos transmite.

A participação e o empenhamento de todos os Lamecenses irá tornar este momento, num evento memorável e inspirador.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
O Municipio de Castro Daire, em parceria com a Confraria do Bolo Podre e a colaboração da Pastelaria Sortido Fino, levaram a cabo a iniciativa de produzir o Maior Bolo Podre do Concelho de Castro Daire.

O evento realizou-se no Domingo, dia 29 de março, nas Termas do Carvalhal.

Com cerca de 100 metros de comprimento e 500 kl, o maior bolo podre pode ser apreciado e provado pelas milhares de pessoas que estiveram nas Termas do Carvalhal para assistir a este evento.
O Bolo Podre, antes de ser fatiado e distribuído por todos os presentes, teve a bênção de Sua Excelência reverendíssima D. Felício, Bispo da Guarda, que se juntou ao Senhor Presidente da Câmara, Fernando Carneiro, ao Grão-Mestre da Confraria do Bolo Podre, Adérito Ferreira, e aos muitos convidados para este evento.

Esta iniciativa permitiu a divulgação e promoção de uma das maiores iguarias gastronómicas do Concelho, o Bolo Podre, servindo ainda para explicar aos visitantes e aos mais jovens não só o significado deste Bolo para as gentes do Concelho, mas também a forma como é preparado e confeccionado, explicação essa proporcionada através dos Workshops que decorreram durante o dia e que muitos tiveram oportunidade de experimentar.

A tarde foi ainda abrilhantada por momentos culturais proporcionados pelo Grupo de Bombos de Teivas, pelo Rancho Folclórico das Termas do Carvalhal e pelos cantadores ao desafio, que trouxeram ainda mais a festa a este evento já de si muito animado.

Foram milhares aqueles que se associaram a esta iniciativa, proporcionando uma jornada de promoção do Concelho e de afirmação das potencialidades da gastronomia castrense.
Por Notícias de Resende | sexta-feira, 27 de março de 2015 | Publicado em | Com 0 comentários
O Rancho Folclórico e Etnográfico de Santa Maria de Cárquere completou, no dia 10 de março, 34 anos de existência. À semelhança dos anos anteriores, este ano, a comemoração do seu aniversário teve lugar no domingo, dia 15.

Esta data tão relevante para a associação foi festejada com um animado convívio que decorreu, durante a tarde, no espaço exterior da sede, junto ao campo de futebol. Muitas pessoas amigas se associaram para conviver e participar em jogos tradicionais principalmente o jogo da malha, o jogo do pião, jogo da cavilha e alguns jogos de roda infantis. Houve momentos de muita alegria e diversão e, deste modo, puderam também reviver-se algumas das tradições do tempo dos nossos avós.

A tarde foi muito animada. No final houve lanche e bolo de aniversário.

A festa prolongou-se pela noite com música de concertinas e cantigas ao desafio.      
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
A rede de transportes urbanos de Lamego - Verdinho- recebeu esta semana duas novas viaturas que substituem as anteriores. Esta rede, que conta com quatro linhas distintas, cobre toda a cidade com uma gama de horários ajustados às reais necessidades da população. Em 2012, a Câmara Municipal de Lamego e a Transdev reestruturaram esta rede de transportes e, desde então, foram transportados mais de 172 mil passageiros.

Para além das vantagens que este projeto abrange, ao nível da rapidez e facilidade de acesso ao centro de Lamego, os dois parceiros partilham a mesma opinião no que diz respeito à segurança e qualidade do serviço prestado pelo Verdinho. A juntar a isto, as novas viaturas vão proporcionar um maior conforto aos passageiros.

Na opinião do Presidente da Câmara Municipal de Lamego, Francisco Lopes, “é cada vez mais fácil circular na cidade de Lamego. Ao servir as zonas de expansão da cidade, onde se encontram os novos equipamentos públicos, como é o caso dos centros escolares e do Hospital de Lamego, e as novas urbanizações, queremos que os lamecenses utilizem cada vez mais o Verdinho, com um elevado grau de satisfação”.

Em 2014, foram transportados, em média, 4 800 passageiros por mês, tendo a procura aumentado 12%, em relação a 2012.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
Alguns espaços públicos e monumentos históricos da cidade de Lamego vão ficar completamente às escuras, ao longo de uma hora, amanhã à noite, sábado. Este apagão vai estender-se, por exemplo, ao Escadório dos Remédios, à Sé de Lamego, às avenidas Dr. Alfredo de Sousa e Visconde Guedes Teixeira e à Praça do Comércio e marca a adesão do Município de Lamego à iniciativa mundial A Hora do Planeta, promovida pela organização global de conservação da natureza – WWF.

Reconhecida como a maior campanha ambiental do mundo, os impulsionadores d’ A Hora do Planeta também encorajam, para além do envolvimento da autarquia, os seus colaboradores, munícipes e redes de fornecedores a aderirem a esta ação inovadora agendada para o intervalo entre as 20h30 e as 21h30. A iluminação pública será desligada ainda nos seguintes locais: muralhas do Castelo de Lamego, rua do Castelo, Travessa do Castelinho, rua do Castelinho, rua dos Moreirais, rua da Cisterna, beco do Matadouro e rua Pe. Alfredo Pinto Teixeira.
Por Notícias de Resende | quinta-feira, 26 de março de 2015 | Publicado em , | Com 0 comentários
Com o intuito de potenciar o regresso ao mercado de trabalho de desempregados e de promover novas oportunidades de emprego, a Câmara Municipal continua a investir num pilar fundamental, a formação e qualificação profissional dos seus munícipes. No dia 16 de março arrancaram mais 7 cursos no âmbito da Medida Vida Ativa – Emprego Qualificado, numa parceria com o Instituto do Emprego e Formação Profissional e em colaboração com as Juntas de Freguesia de Nespereira, Tarouquela e Oliveira do Douro.

No total são mais 1050 horas de formação (150h por curso) que abrangem na globalidade 204 formandos. O objetivo desta medida passa pela integração de pessoas desempregadas em ações de formação de curta duração, reforçando as suas competências dotando-as de ferramentas que potenciem a sua reinserção no mercado de trabalho.

Os cursos a decorrer no Concelho ao abrigo da Medida Vida Ativa estão a ser ministrados nas instalações das Juntas de Freguesia de Oliveira do Douro, de Tarouquela e na Escola Básica n.º 1 da Feira, em Nespereira. As ações em curso são diversificadas indo ao encontro das necessidades do Concelho. Em Oliveira do Douro estão a decorrer dois cursos, um de agente em geriatria e o outro de noções básicas de saúde. Na Freguesia de Tarouquela as áreas de formação também são duas: empregado/a comercial e noções básicas de logística. Por fim, em Nespereira decorrem também ações de agente em geriatria e de noções básicas de logística, mais uma de técnico/a de turismo ambiental e rural.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
A Câmara Municipal em parceria com o Agrupamento de Centros de Saúde Tâmega I – Baixo Tâmega criou o Gabinete de Atendimento e Apoio que funciona na Unidade de Cuidados de Saúde Personalizados de Cinfães (Centro de Saúde). O protocolo de cooperação entre as duas entidades foi assinado no mês de março na Câmara Municipal. A atuação deste novo serviço assenta em dois eixos principais: prevenção e intervenção na defesa da cidadania e igualdade de género.

O objetivo deste Gabinete passa pelo apoio, encaminhamento, informação e apoio jurídico a pessoas vítimas de violência doméstica e/ou potencias vítimas, através de uma orientação individualizada.
Este Gabinete presta de forma confidencial e gratuita os seguintes serviços: apoio psicológico, encaminhamento social e informação jurídica.

Se é vítima de violência doméstica, não hesite em contactar-nos. O Gabinete de Atendimento e Apoio funciona em regime de marcação por via telefónica (965 247 652), presencial (na receção do Centro de saúde) ou correio eletrónico (gaa@cm-cinfaes.pt).
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
Militares do Posto Territorial de Souselo do Destacamento Territorial da GNR de Lamego, no dia 24 de março, em Travanca – Cinfães, detiveram um indivíduo de 26 anos de idade, residente em Souselo, pelo crime de tráfico de estupefacientes.

Foram apreendidas 12 doses de haxixe.

O detido foi presente ao Tribunal Judicial de Cinfães, tendo o processo baixado a inquérito
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
“Sinto uma alegria muito grande por todos os baionenses por estarmos a chegar ao fim de um processo complexo, mas que abre um novo ciclo estratégico para o futuro de Baião e dos baionenses”, foi desta forma que o presidente da Câmara Municipal de Baião, José Luís Carneiro, abriu a sessão de esclarecimento da revisão do Plano Director Municipal, que decorreu no passado dia 25 de março, no Auditório Municipal de Baião.

O Plano Director Municipal é um instrumento de gestão territorial, que define a estratégia de desenvolvimento territorial, a política municipal de ordenamento do território e de urbanismo para a próxima década. O modelo de organização deste plano tem por base a classificação e a qualificação do solo.

O novo PDM de Baião vai contemplar a ampliação dos espaços de localização empresarial do concelho (antigas zonas industriais); a possibilidade de expansão de estruturas produtivas de vinho e o crescimento de unidades de turismo; e a definição dos locais de interesse histórico, cultural e ambiental do concelho.

O novo documento terá, também, a preocupação de “libertar” para edificação alguns terrenos situados a vias já infraestruturadas e onde até agora era impossível construir, constituindo objectivos primordiais a atracção de investimento público e privado e a fixação de pessoas.


Outras novidades do novo PDM vai ser a criação da figura do projecto de interesse municipal - que consagra, por decisão da Câmara Municipal e da Assembleia Municipal, a possibilidade de se construir num determinado terreno sem capacidade edificável, caso esse projecto proporcione dinamismo económico e criação de emprego – e o conceito de aglomerado rural, segundo o qual em determinadas zonas rurais a construção de habitações unifamiliares (moradias) deverá ser feita em respeito pelos valores históricos, culturais dos denominados “lugares”.

Segundo José Luís Carneiro este novo documento tem como objetivos o reforço da coesão territorial, que inclui o reforço das acessibilidades externas e internas; o estabelecimento de uma rede de equipamentos equilibrada; a requalificação dos núcleos urbanos e o acréscimo da dotação infraestrutural básica.

Outro dos objetivos é a modernização e diversificação dos setores económicos e produtivos que engloba a relocalização e estruturação dos espaços de caráter empresarial; a promoção e divulgação dos produtos regionais; a promoção do turismo cultural e do turismo no espaço rural e a promoção e valorização das atividades produtivas em espaço rural, apoiando os usos agroflorestais diversificados e extensivos e as práticas de produção associadas.

O terceiro objetivo é a valorização do património que visa a garantia do equilíbrio dos sistemas naturais e da paisagem; a valorização da multiplicidade da paisagem no desenvolvimento agrorural, promovendo o caráter extensivo das práticas de gestão agrícola, florestal e silvo-pastoril; a preservação e divulgação da identidade histórica dos lugares e dos elementos e sítios histórico-cultural; a promoção de mecanismos de preservação dos bens patrimoniais de valor elevado e excecional para o território; o desenvolvimento de um plano de investigação, valorização e divulgação dos bens que apresentam grande potencialidade para a promoção e dinamização do território; a proteção e classificação das serras da Aboboreira, Castelo e Marão como áreas de paisagem regional; a criação de uma estrutura de gestão própria, dedicada e participada, de natureza supramunicipal, com capacidade para a investigação, monotorização, valorização e divulgação dos elementos naturais e culturais de maior relevo para o território e a criação de um campo arqueológico na serra da Aboboreira.

José Luís Carneiro informou os presentes que depois da entrada em vigor do novo P.D.M, avançar-se-á para a revisão dos Planos de Urbanização de Baião, de Stª Marinha do Zêzere e para o Plano de Urbanização de Ancede.

A acompanhar o presidente da Câmara, estiveram presentes técnicos da autarquia e especialistas da empresa GIPP, liderada pelo Engenheiro António Lameiras que referiu que os valores ambientais e patrimoniais do concelho de Baião foram devidamente identificados e valorizados, tendo apelado à participação de todos os baionenses neste processo.

O Engenheiro António Lameiras salientou que é necessário que o Plano Diretor Municipal esteja aprovado e terminado até 30 de junho, devido à nova Lei de Bases.

Informou ainda que é expectável que o Governo avance com a revisão do P.O.A.R.C..

No final da apresentação mais técnica, onde o Engenheiro José Brás deu a conhecer os regulamentos e as definições do novo P.D.M, existiu um espaço para que todos os interessados pudessem expor as suas dúvidas.

O vice-presidente da Câmara Municipal de Baião, Paulo Pereira, o vereador do Ambiente, Obras Particulares e Urbanismo, Henrique Gaspar Ribeiro e a vereadora da Educação, Formação, Qualificação Professional, Emprego e Ensino Superior, Ivone Abreu, também estiveram presentes neste momento de grande importância para o concelho de Baião.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , | Com 0 comentários
Acácio Pinto
Deputado do PS
Nas quatro décadas que levamos de democracia, nunca um governo esteve tão afastado, como o atual, de um alargado consenso em torno das políticas públicas de educação.

Sob a batuta ideológica de Nuno Crato, nestes últimos quatro anos, o sistema educativo português foi e está a ser minuciosamente alterado com o objetivo último de desqualificar e menorizar a escola pública e cercear a igualdade de oportunidades dos portugueses.

As consequências estão aí. Os resultados e os exemplos evidenciam-nas!

- As taxas de retenção e desistência, desde 2011, duplicaram no 2º ciclo e no 3º do ensino básico aumentaram 25%;

- Mais de 8.000 alunos abandonaram o ensino superior público e privado; e matricularam-se em 2014 menos 34.000 do que em 2011;

- A formação de adultos caiu a pique, tendo mesmo sido inexistente nestes últimos anos, por puro preconceito ideológico de Nuno Crato e de Passos Coelho;

- Nas áreas profissionalizantes, criou-se o ensino vocacional, mas como via de seleção precoce e de escoamento dos alunos mal sucedidos no sistema;

- E que dizer da concessão de horas de crédito, para apoio aos alunos, mas só aos alunos das escolas com bons desempenhos nos exames e provas? E as outras? E as que verdadeiramente precisam? Essas são segregadas.

Pois bem, estes resultados e estes exemplos só podem merecer um amplo combate. Combate que o PS sempre travou, quando foi governo, como as avaliações internacionais o certificaram.
Mas este modelo ideológico vip, de Nuno Crato, está também profundamente eivado de um grande desrespeito e de uma elevada incompetência técnico-política.

O exemplo mais gritante de incompetência vem do início deste ano letivo, da colocação de professores, em que semana após semana e mês após mês o ministério não acertava na fórmula e na forma de colocar os docentes.

Um descalabro, um filme de terror para as escolas, para os alunos, para as famílias e para os professores.

Mas a falta de pagamento às escolas profissionais e às escolas especializadas de ensino artístico não lhe fica atrás. É outro exemplo, bem cruel, da incompetência e do desrespeito do MEC para com estas escolas.

E aqui a culpa era de todos. Do tribunal de contas, do ano escolar que não é coincidente com o ano civil, dos regulamentos… nunca do ministério, que não se dignou nunca pedir desculpa às escolas e aos professores que estiveram vários meses sem vencimento.
Lamentável.

Este é um retrato, necessariamente sintético e não exaustivo, do estado da educação nestes últimos quatro anos em Portugal. Este não pode ser o caminho. Este caminho falhou.

Não queremos este sistema de delírios classificativos e que baniu da gramática educativa os conceitos de “competências” e de “ciências da educação”, um sistema que elevou os exames de alunos de 9 anos e o desrespeito pelos professores a conceitos divinos.

As escolas precisam de um outro olhar, de um novo futuro. Precisam de respirar. De ter uma verdadeira e reforçada autonomia. Uma autonomia que lhes permita fazer, afinal, aquilo que melhor sempre souberam fazer em parceria: ensinar, formar e qualificar as pessoas e os territórios.

Desde logo um compromisso com a lei de bases do sistema educativo, que Nuno Crato desrespeitou e ofendeu.

Um compromisso com uma escola inclusiva, uma escola promotora do sucesso.

Uma escola que não tenha medo de fazer da educação para a cidadania um elemento central da sua vida quotidiana.

Um sistema sem as alucinações das metas-curriculares e programáticas, que saiba respeitar a formação inicial dos docentes e organizar com equidade e justiça os concursos de professores.

Precisamos de, no respeito pela igualdade de oportunidades, valor maior que a educação deve servir, saber celebrar um acordo estratégico para as qualificações, saber melhorar a qualidade do serviço público de educação e saber devolver a estabilidade e tranquilidade às escolas e às comunidades educativas.

Acácio Pinto
Deputado do PS
* Baseado na intervenção a 19.03.2015, na AR, durante o debate de urgência sobre educação.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
Baião prepara-se no último fim-de-semana do mês de março, como já é tradição, para receber os apreciadores do fumeiro e da boa gastronomia baionense, na sua 10ª edição da Feira do Fumeiro e do Cozido à Portuguesa. Este ano, o evento decorrerá de 27 a 29 de março mantendo os ajustamentos na política de preços das refeições realizada o ano passado de modo a ir de encontro às necessidades dos milhares de visitantes que recebe nestes três dias.

Esta politica tem por base o princípio da manutenção da qualidade e excelência dos produtos  e permite a degustação de um menu completo, que inclui entradas, refeição  e sobremesas, ou optar apenas pela refeição e pagar os complementos pretendidos à parte. O visitante tem também a possibilidade de escolher meia dose (uma pessoa) e uma dose (duas pessoas).

Para além de poderem degustar o prato “Rei” do evento em seis restaurantes que estão preparados para receber cerca de 600 pessoas em simultâneo, os visitantes podem adquirir vários tipos de fumeiro produzido no concelho de Baião.

A manutenção da política de ajustamentos, não coloca em causa a qualidade, prova disso é excelência do fumeiro baionense, uma vez que todo o processo de produção é acompanhado por técnicos especializados, desde a criação dos suínos, passando pelo abate, pela avaliação das condições sanitárias do local onde são confeccionados os enchidos e pela selagem do fumeiro que entrará no recinto da Feira do Fumeiro e do Cozido à Portuguesa de Baião para comercialização. Todos os produtos são oriundos do concelho, possuindo características de sabor únicas e genuínas muito apreciadas.

SABORES GENUÍNOS

A Feira do Fumeiro e do Cozido à Portuguesa de Baião, vai reunir este ano cerca de 50 produtores locais, num recinto coberto com 1800 metros quadrados.

O destaque vai para a participação de 14 produtores de fumeiro, que irão comercializar vários tipos de fumeiro: salpicão, presunto, linguiça, moira, alheira, pá, farinheira, barriga e cabeça fumada.

O certame contará com a presença de seis restaurantes que irão confeccionar os “pratos fortes”: Cozido à Portuguesa e Arroz de Moira com Grelos, dois pratos majestosos da região.
Participarão também  expositores de produtos tradicionais como a broa de milho, os doces regionais, os citrinos da Pala, o biscoito da Teixeira, os vinhos verdes de Baião, o artesanato,  os licores, o mel, os chocolates, as compotas, os queijos, o pão de ló e as amêndoas.

A animação do evento será assegurada pela presença de grupos de música tradicional portuguesa,  tocadores de concertinas e de cantares ao desafio, ranchos folclóricos, grupos de bombos e bandas musicais.

Destacam -se, no sábado à noite,  as atuações da finalista do programa da RTP “The Voice Kid´s”, Sara Monteiro e do artista nacional, Fernando Correia Marques.

O evento é organizado pela Câmara Municipal de Baião,  apoiado pela Cooperativa Dolmen – “Cofinanciamento Programa de Desenvolvimento Rural – Ministério da Agricultura e do Mar – Fundo Europeu Agrícola de Desenvolvimento Rural – A Europa investe nas zonas rurais”  e pela  REFER ( Estação Ferroviária de S. Bento).


Em paralelo a este evento , terá lugar no mesmo local mais uma edição da Feira “Stock Off”, com a presença de diversas empresas baionenses. Esta iniciativa é organizada pela Associação Empresarial de Baião e conta com o apoio do Município de Baião.

A tarde de 29 de março vai contar também com o programa da SIC “Portugal em Festa” (das 14h00 às 20h00).