[ ]
Notícias de Última Hora
Por Notícias de Resende | quinta-feira, 28 de abril de 2016 | Publicado em , | Com 0 comentários
Para além das habituais cerimónias, as comemorações do 42º Aniversário da Revolução dos Cravos em Resende ficaram marcadas pela entrega por parte do Município de uma nova ambulância à Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Resende. O novo equipamento que é uma oferta da Câmara Municipal trata-se de uma Ambulância de Emergência Pré-Hospitalar que contempla todos os equipamentos que a legislação obriga para uma ambulância do tipo B.

Para além da cerimónia de entrega por parte do Presidente da Câmara Municipal de Resende, Dr. Garcêz Trindade, ocorreu também na manhã do passado dia 25 de Abril a sua bênção pelo Sr. Reverendíssimo Cónego Martins nos Paços do Concelho de Resende.

No entanto, esta nova ambulância ainda não está ao dispor da população resendense, uma vez que aguarda ainda vistoria do INEM, licença para o transporte de doentes e equipamento SIRESP. “Esperamos muito em breve que esta nova ambulância esteja operacional para assim poder servir as nossas populações”, afirma o Comandante dos Bombeiros Voluntários de Resende, Sérgio Monteiro, vincando a importância do novo equipamento para a frota da instituição.

João Pereira
joaopereira@noticiasderesende.com
Por Notícias de Resende | quarta-feira, 27 de abril de 2016 | Publicado em , , , | Com 0 comentários
Na última jornada do mês de Abril, o Grupo Desportivo de Resende conseguiu com a vitória por 2-1 sobre o Penalva do Castelo a ascenção ao 3º lugar do campeonato (47 pontos) numa altura em que faltam disputar apenas quatro jornadas até ao fim. Se as vitórias continuarem (esta foi a quarta consecutiva), os homens de Resende ainda podem sonhar com o 2º lugar (que dá acesso à Taça de Portugal) do qual estão a dois pontos, esperando que o Sátão escorregue nesta fase final de campeonato. Por outro lado, se ficar onde está iguala a prestação da época passada, sendo certo que o terceiro lugar não dá direito a nada, é como se diz na gíria “o segundo dos últimos”. Como previsto desde há muito, o Moimenta da Beira tornou-se no último domingo Campeão da Divisão de Honra da A.F. Viseu depois da vitória por 3-0 frente ao Silgueiros, somando 63 pontos e garantindo a subida ao Campeonato de Portugal Prio já na próxima época.

O Nespereira que disputou o Play-off de promoção à Divisão de Honra conseguiu virar o resultado desfavorável de 2-0 na primeira mão, vencendo no domingo passado o Nelas por um categórico 5-0 em sua casa, garantindo a promoção à maior divisão do distrito na próxima época.

No distrito do Porto, o Baião conseguiu este fim de semana uma importante vitória na luta pela manutenção na receção ao Rio Tinto por duas bolas a uma (2-1). O Baião tem agora 32 pontos e está na 16ª posição da tabela, a três pontos da linha de água. Também na A.F. Porto mas na 3º Divisão – Série 3 fim de campeonato para o Frende, Paços de Gaiolo e Ancede que terminam a ocupar os últimos três lugares da tabela. O Frende despediu-se desta época com um a vitória por 3-1 no terreno do Vila Boa de Quires e ficou na 13ª posição com 25 pontos conquistados. O Paços de Gaiolo deslocou-se a casa do Torrados de onde saiu derrotado por uns expressivos 3-0 e finda o campeonato na 14ª posição e a soma de 21 pontos. O Ancede folgou nesta última jornada e terminou este campeonato na 15ª posição com 11 pontos. Neste fim de campeonato e apesar dos três últimos lugares da tabela serem ocupados por estas três equipas fica a certeza de que não há descida e que para a próxima época há mais para estes históricos da região.

A equipa do Régua folgou neste último domingo, dia 24 de Abril, mas continua na terceira posição do campeonato com 50 pontos. Na próximo domingo desloca-se ao campo do Vila Pouca, 6º classificado,  para disputar a 28ª Jornada do campeonato da Divisão de Honra da A.F. Vila Real. O Santa Marta perdeu por 1-2 com o Vilar de Perdizes e cai assim para sétimo classificado. Na ida à casa do G.D.C. Salto, o Mesão Frio voltou a conhecer o sabor da vitória vencendo por 2-3 a equipa da casa. Tem agora 24 pontos e está na 13º posição da classificação.

Nos nacionais, o Cinfães deu nesta última jornada um passo muito importante no que diz respeito à manutenção no Campeonato de Portugal Prio derrotando o Vila Real em sua casa por 0-2. Até então, ambos os clubes tinham a mesma pontuação mas com esta vitória, o Cinfães mantém a 2º posição, agora com 30 pontos e fez cair o Vila Real para 4º classificado com 27 pontos, sendo agora o Sousense o 2º da tabela com 28 pontos. Faltam apenas três jornadas para o fim desta Fase de Manutenção da Série C do Campeonato de Portugal Prio e só algo de muito improvável que aconteça tirará a manutenção ao Clube Desportivo de Cinfães que recebe no próximo dia 30 de Abril, sábado, a equipa do Sobrado que permanece no último lugar e está praticamente condenada à descida de divisão.

O Sporting ainda foi líder por umas horas na I Liga de Futebol depois de vencer no sábado o União da Madeira em Alvalade por 2-0, com golos de Gutiérrez (7’) e João Mário (19’) ainda na primeira parte, mas o Benfica recuperou o 1º lugar da tabela no domingo com o golo precioso de Jimenez (73’) que deu a vitória por 1-0 sobre a equipa do Rio Ave num jogo que estava difícil de desbloquear para os pupilos de Rui Vitória. Também no sábado o F.C. Porto de José Peseiro venceu a equipa da briosa em Coimbra por 1-2, apesar de até ter estado a perder por 1-0. Os golos foram apontados por Pedro Nuno (25’), Rúben Neves (37’) e Brahimi (67’). A falta de pressão parece fazer com que a equipa dos dragões esteja agora mais à vontade no campeonato e possa assim jogar tranquilamente e mesmo começando a perder, ter a capacidade de dar a volta, algo que já não se via há muito no reino do Dragão. Assim sendo, o F.C. Porto beneficiando da derrota do Braga em Paços de Ferreira (1-0) assegura o terceiro lugar do campeonato com 67 pontos, posição da qual já não vai sair. O Sporting tem agora 77 pontos e continua a perseguição ao Benfica que tem 79 pontos, numa luta que se antevê a dois até ao último respirar do campeonato. Na próxima jornada, o Sporting joga uma cartada decisiva no Dragão e o Benfica recebe na Luz o Vitória de Guimarães. Cá estaremos para ver o que nos reserva esta fase final do Campeonato Nacional.

Bem aqui ao lado, em Madrid, as atenções viram-se para o lesionado Cristiano Ronaldo que já esteve afastado do último jogo do campeonato espanhol e da primeira mão das meias finais da Liga dos Campeões. O Jornal A Bola adianta a possibilidade de uma rotura muscular para CR7 relatando informações vindas de Espanha. Se assim for, Ronaldo poderá estar também fora da segunda mão das meias finais da prova milionária que tudo vai decidir depois do empate desta terça-feira a zero (0-0) na casa do Manchester City. Um assunto que imaginamos não deve alarmar só os responsáveis do Real Madrid mas também os da nossa Seleção Nacional que disputa em Junho o Euro 2016 em França e que conta com Cristiano Ronaldo em máxima força, algo que poderá não acontecer se o jogador contrair uma lesão ou acusar a sobrecarga de uma época inteira a jogar.

Marcamos encontro na próxima terça-feira para mais um Balanço da Jornada, numa altura em que vários campeonatos se começam a decidir.

João Pereira
joãopereira@noticiasderesende.com
Por Notícias de Resende | terça-feira, 19 de abril de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários
No passado dia 15 de abril, o Externato D. Afonso Henriques, em Resende, voltou, pelo quarto ano consecutivo, num notável crescendo de dimensão, a entrar na máquina do tempo que nos levou até à idade média para a IV Feira Medieval da nossa escola.

Muitos foram os alunos, funcionários e professores que tiveram uma semana atarefada para que fosse possível realizar esta feira, quer contribuindo para a organização, quer preparando atividades para apresentar ao longo deste dia.

O mau tempo não foi obstáculo à realização da feira que, por isso, se realizou no interior do pavilhão desportivo do Externato, que nesse dia se transformou numa verdadeira praça da época medieval recriada através das barracas com artigos, instrumentos, produtos, jogos tradicionais da altura e dos alunos vestidos a rigor.

Tudo começou com o típico desfile no qual se junta toda a gente com os seus disfarces medievais, desfile que abre a feira ano após ano, sendo a primeira de muitas atividades que acontecem neste dia, entre danças, teatros, demonstrações e até mesmo refeições medievais, fazendo tudo remontar àquela época. Tudo isto decorre durante todo o dia, prolongando-se pela noite dentro com um sarau onde a comunidade envolvente pôde também participar.

E assim se passou mais um dia em que o Externato, pela quarta vez, recuou no tempo até à época medieval.

Pe Miguel Peixoto
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , , | Com 0 comentários
Mais uma semana, mais uma jornada e mais um balanço! Esta semana voltamos a começar pelo Grupo Desportivo de Resende que ao vencer o último classificado (e praticamente condenado à descida de divisão), o Viseu e Benfica, no último domingo (17 de Abril) igualou o melhor registo da temporada ao conseguir novamente três vitórias consecutivas. Para além dos dados estatísticos, esta vitória permitiu a aproximação ao Silgueiros (3º classificado) que perdeu em casa frente ao Mangualde que luta neste momento para se manter na maior divisão da A.F. Viseu. Depois desta 25ª Jornada, o G.D. Resende tem agora 44 pontos e está a 1 ponto do terceiro lugar, a 5 pontos do segundo, o Sátão que venceu o Alvite por 4-1 e a 16 pontos do primeiro, o Moimenta da Beira que foi a S. Pedro do Sul derrotar a equipa da casa por 0-2 e que só dificilmente não alcançará o título, estando neste momento a uma vitória de se sagrar campeão da Divisão de Honra da A.F. Viseu. Mas, nestas coisas não devemos só olhar para a frente e convém também olhar de vez em quando para trás: o Penalva do Castelo é 5º classificado tem menos quatro pontos que o Resende e no próximo fim de semana há confronto direto no Estádio Municipal de Fornelos.

Na 1ª Divisão da A.F. Viseu já começaram os play-offs de promoção ao mais alto escalão do distrito e neles participa também o Nespereira, clube do concelho de Cinfães que na primeira mão em casa do Nelas foi derrotado por 2-0. A ver vamos se o histórico clube da região que já esteve por várias vezes na Divisão de Honra consegue inverter o resultado de desvantagem na segunda mão que está marcada para o dia 24 de abril, domingo, em Nespereira.

O Baião que joga a Divisão Pró-Elite Nacional da Associação de Futebol do Porto foi derrotado este fim-de-semana em casa do 3º classificado, o Valadares de Gaia. Esta derrota complica a vida ao Baião na maior divisão do distrito, uma vez que cai para o 18º lugar e tem os mesmos 29 pontos que o S. Pedro da Cova e mais 5 pontos que o Perafita, os dois últimos lugares da tabela que dão direito a despromoção. Ainda faltam sete jornadas para o fim do campeonato e já no próximo Domingo, dia 24 de abril o Baião recebe o Rio Tinto que ocupa neste momento o quinto lugar da tabela classificativa.
Também no distrito do Porto, o Frende, Paços de Gaiolo e Ancede continuam a ocupar os últimos lugares do campeonato da 3º Divisão – Série 3. O Frende foi derrotado em casa por 0-3 frente à equipa do Torrados e continua com 22 pontos (13º classificado). A equipa do Paços de Gaiolo (14º classificado) que tem menos um ponto que o Frende também acabou derrotada em casa no último fim de semana, num jogo em que o FC Parada levou a melhor vencendo por 2-3. O Ancede (15º classificado) continua fixado no último lugar com 11 pontos e no último domingo ainda conseguiu marcar três golos na receção ao quarto classificado, mas acabou derrotado pela A.D. Várzea por 3-4.
No distrito de Vila Real, a equipa do Régua empatou a zero em sua casa na 26ª Jornada do campeonato da Divisão de Honra frente ao modesto Vidago que ocupa o 12º lugar do campeonato com 25 pontos. Após esta jornada, a equipa de Peso da Régua tem agora 50 pontos e caiu para o 3º lugar da tabela sendo ultrapassado pelo Vilar Perdizes que tem agora 53 pontos e é 2º classificado. O Santa Marta venceu em Murça por 0-3, tem agora 39 pontos e é sétimo classificado. Já o Mesão Frio voltou a perder, desta feita por 1-4 pelo G.D. Cerva e continua 21 pontos. Faltam agora quatro jornadas para o fim do campeonato da Divisão de Honra e o Montalegre continua bem lançado para se sagrar campeão depois da conquista de mais três pontos em casa do Vila Pouca por 0-4 que o faz ter agora 64 pontos. Esta é a única divisão da Associação de Futebol de Vila Real e por isso não está em causa a descida de qualquer clube.

Na 10ª Jornada do Campeonato de Portugal Prio, o C.D. Cinfães empatou este domingo em casa com o primeiro classificado, o Salgueiros (35 pontos) e deixou-se apanhar na pontuação pelo Vila Real. Ambas as equipas têm neste momento 27 pontos e defrontam-se na próxima jornada, um jogo a ser disputado na cidade de Vila Real que poderá definir esta fase de manutenção da Série C, numa altura em que faltam apenas quatro jogos para o fim. Apesar da igualdade pontual, o Cinfães mantem-se no 2º lugar e tudo indica que irá conseguir a manutenção no Campeonato de Portugal Prio.

No futebol profissional, o F.C. Porto regressou às vitórias na I Liga e no Estádio do Dragão ao vencer o Nacional por uns expressivos 4-0 com golos de Varela, Herrera, Danilo e Aboubakar. Tem agora 64 pontos e já não deverá sair da terceira posição do campeonato. O dia do regresso às vitórias dos dragões ficou também marcado pela reeleição de Pinto da Costa como Presidente do clube com 79% dos votos, a votação mais baixa de todas aquelas em que concorreu sozinho. No entanto e numa entrevista dada ontem, um dia após a reeleição, apontou à comunicação social e disse não sentir que os sócios lhe deram um cartão amarelo porque “dos 21 por cento de votos nulos, muitos foram-no porque as pessoas escreveram palavras de incentivo para Pinto da Costa e FC Porto”.

O Sporting também venceu na jornada trinta da I Liga derrotando em Moreira de Cónegos a equipa da casa por 0-1 com um golo de Slimani. A equipa de Alvalade mantém assim a perseguição ao Benfica que recuperou a liderança esta segunda-feira ao vencer na Luz o Vitória de Setúbal por 2-1, depois de até ter estado a perder. Do lado do Benfica, os golos foram apontados por Jonas e Jardel e do Setúbal por André Claro, tudo ainda na primeira parte da partida. Assim sendo, os encarnados têm agora 76 pontos mais dois que o Sporting. O Benfica está bem colocado para revalidar o título de Campeão Nacional quando faltam jogar quatro verdadeiras finais e como diz o ditado popular “Candeia que vai à frente alumia duas vezes”, mas a ver vamos se o clube da Luz não deixa fugir o título para o Sporting que continua à espreita.

Hoje não vamos tão longe na parte internacional e ficamo-nos pelo país vizinho, Espanha, para falar do Barcelona que depois da eliminação na Liga dos Campeões pelo Atlético de Madrid a meio da semana deixou-se também apanhar pelos “colchoneros” no fim de semana na Liga Espanhola após a derrota em casa com o Valência por 1-2. Também a equipa de Cristiano Ronaldo que apontou um golo na vitória sobre o Getafe por 1-5 beneficiou com este resultado do Barcelona, estando agora o Real Madrid, apenas a um ponto da liderança, deixando o campeonato espanhol ao rubro. Assim sendo, Barcelona e Atlético somam 76 pontos e o Real Madrid 75 pontos, faltando jogar cinco jornadas.

Por esta semana é tudo e já não foi pouco! Até ao próximo “Balanço da Jornada”!

João Pereira
Por Notícias de Resende | terça-feira, 12 de abril de 2016 | Publicado em , , , , , | Com 0 comentários
A partir de hoje e todas as terças-feiras até ao fim dos vários campeonatos, “O Balanço da Jornada” analisa tudo o que de mais importante se passa no futebol e no desporto da região, mas também a nível nacional e internacional no seu site de notícias. Aqui, serão esmiuçadas as prestações das diversas equipas da nossa região nas competições em que se inserem na Associação de Futebol de Viseu, na A.F. Porto, na A.F. Vila Real e claro, sem esquecer o Campeonato de Portugal Prio, correspondente à antiga 3º Divisão Nacional. O futebol nacional e internacional de grande nível bem como outros desportos, sempre que se justificar, também não serão esquecidos.

O destaque deste primeiro balanço vai para o Grupo Desportivo de Resende que nas últimas duas jornadas conseguiu duas vitórias consecutivas. A primeira na casa do Tarouquense a 3 de abril referente à 23ª Jornada, numa das duas vezes em que conseguiu vencer fora de casa esta temporada e a outra na receção ao Lamelas, no passado Domingo (10 de abril) por 2-0, na 24ª Jornada. Assim sendo, e quando faltam disputar 6 jornadas até ao fim do campeonato da Divisão de Honra da A.F. Viseu o Resende soma 41 pontos, menos 3 pontos e um lugar abaixo (4º lugar) que em igual período do ano passado. Para além disso, na época transata por esta altura o Grupo Desportivo de Resende permanecia a 7 pontos do primeiro classificado e neste momento encontra-se a 17 pontos do Moimento da Beira, nada mais nada menos que primeiro classificado e grande candidato à subida depois de nesta última jornada ter derrotado o 2º classificado (Sátão) por 3-1 arrastando os pontos que agora os separam para 11. Só uma hecatombe tirará o título de campeão da Divisão de Honra e respetiva subida a este Moimenta.

Quanto ao Resende e para finalizar, podemos dizer que faz nesta época uma manutenção tranquila e ainda pode sonhar alcançar o segundo lugar do qual se encontra a 5 pontos ou o terceiro do qual se encontra a 4 pontos, embora o Silgueiros (3º lugar) tenha menos um jogo e embora saibamos que será difícil os homens de Resende conseguirem melhor que o terceiro lugar da última época num ano em que os resultados foram muitas vezes melhores que as exibições apresentadas aos adeptos quando comparadas com o futebol que estes jogadores (quase todos os mesmos) mostraram na época 2014/2015 onde estiveram na luta pelo título. A ver vamos se consegue preservar o 4º lugar pois o Penalva do Castelo (5º lugar) também só se encontra a 4 pontos.

Ainda na Associação de Futebol de Viseu mas na 1ª Divisão – Zona Norte, o Nespereira terminou a fase regular do campeonato em 3º lugar da tabela classificativa com 39 pontos, o que lhe dá direito a disputar o Play-off de promoção ao principal escalão do distrito com o Nelas (3º classificado da Zona Sul) com a primeira mão a disputar-se já no dia 17 de Abril e a segunda mão marcada para 24 de abril. O Oliveira do Douro que milita também nesta divisão terminou a fase regular em 10º lugar com 14 pontos conquistados, com a certeza de que apesar do penúltimo lugar da tabela não há descida mas também com a certeza que dias melhores virão para este clube histórico da região.

Na A. F. Porto, o Baião que na época passada subiu à Divisão de Elite – Pró Nacional venceu na última jornada em sua casa o Aliados de Lordelo por 1-0 e continua a sua marcha no campeonato pela manutenção e está em 16º lugar num total de 20, embora esteja apenas a um ponto da linha de água. Vida difícil para os homens de Baião na Divisão mais alta da Associação de Futebol do Porto quando faltam jogar 8 jornadas para o fim, clube que esperamos se consiga manter ao mais alto nível. Ainda no Porto, olhamos ainda para a 2º Divisão – Série 3 onde o Frende (13º lugar), o Paços de Gaiolo (14º lugar) e o Ancede (15º lugar) ocupam os últimos 3 lugares da tabela classificativa. Na última jornada jogada no dia 10 de abril, o Frende e o Paços de Gaiolo até ganharam fora, em casa do Parada por 0-1 e do S. Lourenço do Douro por 2-3, respetivamente. O Ancede saiu derrotado por 3-1 no campo do Macieira.

Mudando de região e falando agora do Régua que milita na A. F. Vila Real e está a fazer um bom campeonato, estando nesta altura no 3º lugar com 49 pontos, a um do 2º classificado (Vilar de Perdizes) e a 11 do primeiro (Montalegre), equipa que foi vencer no passado fim-de-semana por 0-1. Também o Santa Marta venceu nesta 25ª Jornada o Ribeira de Pena e tem agora 36 pontos, permanecendo no 7º lugar. O Mesão Frio foi goleado em casa do Abambres por 7-2 e está no lugar 13 da tabela.

É altura de ir aos campeonatos nacionais: o CD Cinfães, histórico da região e do Distrito de Viseu no que aos nacionais diz respeito disputa neste momento a fase de manutenção do Campeonato Portugal Prio onde está muito bem na tabela classificativa, ocupando o 2º lugar com 26 pontos depois do empate em casa do Coimbrões a uma bola (1-1) na Jornada 9 no último domingo (10/04). Ainda faltam cinco longas jornadas e nada está decidido, mas o Cinfães está bem lançado para garantir a manutenção e fazer justiça à sua história cada vez mais nacional.

Quase a terminar primeiro “Balanço da Jornada”, atenção ainda para a jornada do último fim-de-semana da Primeira Liga portuguesa com o Benfica bem lançado para o título de campeão nacional depois da difícil vitória no campo da Académica (1-2) mas com o Sporting a não desarmar a perseguição com a vitória por (3-1) na receção ao Marítimo. O destaque pela negativa vai para o Porto, que voltou a perder por 1-0 depois do desaire com o Tondela desta feita na visita à Mata Real para defrontar o Paços de Ferreira e está agora a 12 pontos do líder Benfica. Vida difícil para o Porto de Pinto de Costa que assumiu na semana passada que a equipa “bateu no fundo” e que se recandidata para “voltar a ganhar”. Não mais fácil está a vida do timoneiro José Peseiro que desde que chegou ao Dragão perdeu cinco dos doze jogos nas diversas competições em que os Dragões participaram. No entanto, é difícil apontar a maioria das culpas a José Peseiro: chegou a meio da época, não foi ele que construiu a equipa, não teve reforços e também não teve tempo de impingir o seu modelo tático. A ver vamos se o histórico presidente portista conta com ele para a equipa de “carácter” que quer para a próxima época, sendo que a pré-época já começou com uma derrota e há mais cinco jogos para o campeonato antes da final da Taça de Portugal com o Braga que é imperativo ganhar.

Por essa Europa fora, impossível não falar do “pequenino” Leicester que ameaça tornar-se grande caso vença o campeonato inglês. A equipa que subiu na época 2014/2015 à Premier League continua firme no primeiro lugar depois da vitória frente ao Sunderland (0-2), tem agora 72 pontos e continua com sete pontos de avanço sobre os Spurs que tem 65. Faltam cinco jornadas para o fim, mas dá para prever que alguns adeptos do modesto Leicester vão enriquecer com as apostas que fizeram no início da época.

Para a semana marcamos encontro para mais um balanço! Até lá!

João Pereira
joaopereira@noticiasderesende.com
Por Notícias de Resende | segunda-feira, 11 de abril de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários

O forte nevão verificado desde a madrugada voltou a cortar o trânsito esta manhã de segunda-feira em algumas estradas que atravessam a Serra do Montemuro, entre elas ER 321 que liga Tendais a Cinfães – do km 38 ao km 45; EM 553 entre Feirão/Felgueiras/Resende e ainda a EN 2 – Bigorne – Lamego entre o Km 199 e o KM 122 de acordo com informação da Guarda Nacional Republicana de Viseu no facebook.

Este cenário tinha sido previsto pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera que alertava para tempo frio e instável entre os dias 10 e 12 de Abril com queda de neve acima de 800 a 1000 metros de altitude, em especial nas serras da Peneda-Gerês, Larouco, Alvão, Marão, Montezinho, Estrela e Montemuro, devendo, neste período, dar origem a maiores quantidades de neve acumulada no solo nos locais acima dos 1200 a 1400 metros. O comunicado do IPMA advertia ainda para a ocorrência de períodos de chuva ou aguaceiros, que poderão ser por vezes fortes, de granizo e acompanhados de trovoada, em especial nas regiões Norte e Centro.  Quanto ao vento, irá soprar moderado a forte do quadrante sul, por vezes com rajadas até 90 km/h no litoral oeste, e forte a muito forte nas terras altas, por vezes com rajadas até 110 km/h.

Para esta segunda-feira, o IPMA prevê céu com períodos de muita nebulosidade e aguaceiros, em especial a partir da tarde, que poderão ser localmente fortes, de granizo e acompanhados de trovoada, e que serão mais frequentes nas regiões a sul do sistema montanhoso Montejunto-Estrela. A Queda de neve deverá ocorrer nas regiões Norte e Centro acima de 800/1000 metros de altitude, subindo gradualmente a cota para 1000/1200 metros na região Norte e para 1200/1400 metros na região Centro. Vento fraco a moderado (10 a 30 km/h) do quadrante sul, soprando moderado a forte (30 a 45 km/h) no litoral e nas terras altas, por vezes com rajadas respectivamente até 70 km/h e até 90 km/h. A temperatura mínima deverá sofrer uma pequena descida na região Norte e litoral Centro.

Na terça-feira, dia 12 de Abril, o tempo deve manter-se instável com a ocorrência de neve entre os 1200/1400 metros de altitude e na Região Norte entre os 1000/1200 até ao meio da manhã. O vento soprará fraco a moderado do quadrante sul e moderado a forte entre os 30km/h e 45km/h, com rajadas que podem atingir os 70 km/h a norte do Cabo Raso e nas terras altas. A temperatura mínima vai registar um pequeno aumento.

De acordo com a GNR de Viseu, às 12h00 apenas se encontrava encerrada a Estrada Municipal 553 entre Feirão/Felgueiras/Resende.

João Pereira
joaopereira@noticiasderesende.com
Por Notícias de Resende | sábado, 9 de abril de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários
No próximo dia 15 de abril de 2016, sexta feira, o Externato D. Afonso Henriques irá acolher a IV Feira Medieval, organizada pela comunidade escolar do mesmo estabelecimento de ensino.

Programa da Feira Medieval:
10:00 - Abertura da Feira
11:00 - Desfile temático
11:30 - Atuação da Afontuna
12:30 - Repasto Medieval
14:00 - Atividades medievais
19:30 - Ceia medieval
20:30 - SARAU
- Classe de espada
- Musica Medievo
- Encenação
- Bailias Medievais
- Afontuna
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , | Com 0 comentários
Depois de duas derrotas consecutivas, frente ao Sobrado (2-0) e Sousense (2-1) que deixavam o Cinfães atrasado na luta pela objetivo da manutenção, os últimos dois jogos em casa voltaram a trazer tranquilidade às hostes cinfanenses. A vitória na receção ao Amarante na 7ª Jornada, a última da primeira volta da fase de manutenção, por 2-0 com golos de Alex Silva (12’) e Serra (83’) colocava o Clube Desportivo de Cinfães de novo no topo da tabela ocupando na altura o terceiro lugar com 22 pontos.

A 4 de Abril, Domingo, a equipa cinfanense confirmava o regresso às vitórias consecutivas. De novo em casa, desta feita frente ao Tirsense por 1-0 com o golo solitário de Rui Filipe aos 67 minutos da partida, neste que era o primeiro jogo da segunda volta (8ª Jornada) deste Campeonato Portugal Prio –  Série C – Fase de Manutenção.

Com estas duas vitórias consecutivas, o CD Cinfães ascendeu ao segundo lugar da tabela classificativa, tendo agora 25 pontos (mais um que o 3º Classificado – Vila Real; e menos 6 que o 1º Classificado – Salgueiros) à entrada nesta fase derradeira da competição que vai decidir quem desce e quem permanece no Campeonato de Portugal Prio na próxima época.

O Cinfães tem agora pela frente nas próximas jornadas a deslocação a Coimbrões que neste momento é o 7º Classificado, na 9ª Jornada, a 10 de Abril. Na semana a seguir, a 17 de Abril volta a jogar em casa e recebe o primeiro classificado atual, o Salgueiros num jogo que promete ser escaldante. A terminar este mês de Abril decisivo para as contas do campeonato, o Cinfães desloca-se a Vila Real no dia 24 e no dia 30 na partida referente à 12ª Jornada recebe em sua casa, no Estádio Municipal Prof. Cerveira Pinto, o Sobrado que neste momento é o último classificado, ocupando a 8ª posição.

João Pereira
joaopereira@noticiasderesende.com

Vídeo CD Cinfães 1 vs Tirsense 0: http://sportviseu.com/index.php/ii-divisao-zona-norte/cinfaes/item/3368-segunda-vitoria-consecutiva-da-tranquilidade-e-subida-ao-segundo-lugar-com-video
Por Notícias de Resende | sexta-feira, 8 de abril de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários
A 10ª Edição da Festa das Cavacas acontece no próximo dia 24 de Abril, entre as 11h e as 18h, no Celeiro Multiusos de Caldas de Aregos, como aliás já é habitual desde o início deste certame.

A organização conjunta da Companhia de Águas de Caldas de Aregos e o Município de Resende conta com os habituais stands de venda dos vários produtores do doce tradicional do concelho mas também conta com a presença de vinhos, licores e artesanato da região.

O Município de Resende e a CP voltam a estar juntos nesse dia com a oferta de 30% de desconto no bilhete a quem viajar de comboio até à Estação de Aregos (Tormes), na margem direita do rio Douro, concelho de Baião. Depois da chegada à Estação de Aregos, o Município assegura a travessia a quem pretender para a outra margem, onde decorre a Festa das Cavacas, através de uma Embarcação Turística bem com o respetivo regresso. Para quem pretender passar um fim-de-semana pelo Douro, três unidades hoteleiras do concelho dispõe de alojamento a partir de 20€ por pessoa/noite e oferta de circuito e experiência termal, nas famosas Termas de Caldas de Aregos.

A Festa das Cavacas conta ainda com animação cultural durante o dia a cargo do Grupo de Bombos de S. Romão, da Orquestra da Academia de Música de Resende, da Classe de Acordeões e Concertinas da Academia de Música de Resende e ainda do Grupo de Danças e Cantares “Os Moleiros de Cárquere”.

Todos os produtores de Cavacas de Resende presentes receberão da parte do Município um Certificado de Participação no certame e haverá ainda a distinção das “Melhores Cavacas da Festa das Cavacas” que consiste na atribuição de incentivos monetários aos três produtores de cavacas que mais se evidenciarem.

João Pereira
joaopereira@noticiasderesende.com
Por Notícias de Resende | sábado, 5 de março de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários
Foi numa tarde de sábado entre o barulho do constante “tirar de cafés” do “Rabelo” em Cinfães e as conversas paralelas das pessoas presentes que João Pereira entrevistou o Diretor das Produções Pedro Sá & Tânia Sousa, o próprio Pedro Sá. Realizador de filmes como “Mistérios do Paço”, “Aquela Pastora Não Me Larga” ou “Lendas da Treta”, o Técnico de Multimédia sonha um dia poder formar-se na área do cinema e fazer um filme de grandes dimensões. Desde a origem do projeto, passando pela importância que têm os colegas e os amigos nas produções, pelos apoios que têm tido, pela importância que têm os jovens do interior estarem ligados a novos projetos e novas ideias e não esquecendo um olhar pelo futuro, Pedro Sá conta tudo sobre a sua paixão cinematográfica e deixa uma mensagem de luta e persistência pelo seu sonho.

João Pereira (JP) - Como surgiu a ideia de criar este projeto?

Pedro Sá (PS) - Este projeto surgiu no ano de 2014 com um grupo de amigos que me sugeriram a ideia de fazer cinema. Começamos pelo vídeo, na altura, realizando um documentário sobre o Rio Bestança intitulado "À descoberta do Bestança" para mostrar as paisagens do Concelho de Cinfães, foi esse um dos primeiros objetivos. Dos vídeos, aos filmes foi um pequeno passo porque houve muita gente a aderir e então decidimos criar uma equipa com vista a realizar o primeiro filme.


JP - As pessoas, entre colegas e amigos, foram um grande impulso para conseguir concretizar estes projetos?

PS - Sim, os colegas foram o principal impulso até porque sem eles era impossível realizar as produções. Inicialmente decidi trabalhar sozinho na parte documental mas quando decidimos partir para os filmes  foi uma grande ajuda termos os colegas e amigos que com o passar do tempo eram cada vez mais.


JP - São mais de trinta elementos que fazem parte das produções do Pedro Sá e da Tânia Sousa e calculo que muitos de vocês tenham de abdicar algumas vezes de outras coisas que gostam de fazer para poder realizar este tipo de trabalhos. Numa área mais pessoal, como é que a vossa família olha para este vosso trabalho?

PS - Sim, é verdade, nós abdicamos de muitas coisas. Por exemplo, no ano passado as filmagens foram feitas durante o verão, os atores e outros elementos do grupo podiam estar no rio ou na piscina ou em qualquer atividade mas preferiram estar a fazer parte deste trabalho. Quanto à família, tanto a minha como de todos os elementos da equipa foram os nossos principais apoiantes no começo e continuam a ser.



JP - Como é que aconteceu e continua a acontecer a recruta de todas as pessoas que participam nestas produções?

PS - Inicialmente começamos com um grupo pequeno, depois os pedidos para fazer parte foram surgindo e neste momento são muitas as pessoas a pedir para entrar. Às vezes também encontramos uma ou outra pessoa que achamos que pode ter “jeito” para esta área e convidamos a pessoa. No entanto, a maior parte vem perto de nós e pede para fazer parte. [São todos jovens do concelho de Cinfães?] Sim, são todos jovens cinfanenses entre os 10 e os 20 anos de idade. Neste novo trabalho vamos contar até com mais velhos.


JP - A faixa etária dos atores que participam é alargada, abrangendo crianças, adolescentes e adultos. Como é que vê a ideia dos mais jovens a trabalhar com os mais velhos? 

PS - Por vezes é um difícil com os adolescentes porque é uma idade complicada [risos], mas vejo que quando eles gostam do que fazem, há muitas diferenças e acho que é uma boa forma de eles ocuparem o tempo livre porque às vezes andam aí na rua sem atividades para fazer. Até da parte da escola, temos sido apoiados pelos professores e têm-nos dito que é uma boa ideia trabalhar com eles.


JP – Pelo que posso perceber, há muitos participantes nos filmes ainda em idade escolar. Para além de tudo aquilo que é a escola e o ensino no nosso país, há cada vez mais um olhar para as atividades extra curriculares que significam muito para os alunos?

PS - Sim. Neste momento até fomos convidados pelo Agrupamento de Escolas E.B. 2/3 General Serpa Pinto em Cinfães para realizar um projeto com os alunos, um projeto de curtas-metragens. Já no ano anterior realizamos uma que venceu recentemente o primeiro prémio a nível nacional juntamente com uma Escola de Coimbra e outra dos Açores. Foi muito bom trabalhar nesse projeto e mais uma vez mostramos que Cinfães pode estar marcado no mapa a nível do cinema. Foram muitas escolas a participar e nós trouxemos um prémio para Cinfães.


JP - O Projeto Pedro Sá e Tânia Sousa Produções já tem no seu currículo vários filmes e várias produções. Gostava que descrevesse estas produções que já realizaram.

PS - O documentário "A descoberta do Bestança" surgiu porque é uma das zonas que gosto mais no concelho de Cinfães e sempre quis fazer um trabalho sobre essa zona. É um vídeo onde mostramos o rio desde a nascente até à foz. Depois, o primeiro filme que realizamos foi na Quinta do Paço, uma quinta onde desde pequeno pensava em fazer um projeto. Sempre quis trabalhar lá e até já tinha feito uma exposição fotográfica da zona e decidimos fazer lá um filme de aventura sobre a riqueza cultural que existia na Quinta do Paço, sendo esse o primeiro trabalho que realizámos a nível de filme. Depois partimos para a comédia a pedido de muita gente aqui de Cinfães e fizemos o filme "Aquela Pastora Não Me Larga", um filme que teve como pano de fundo a Serra do Montemuro. No verão do ano passado, em 2015, voltamos ao Rio Bestança e produzimos o filme "Lendas da Treta". Neste momento estamos a trabalhar num novo projeto cinematográfico, o "Isso Querias Tu" onde vamos continuar no género de comédia que deverá ser lançado na altura do verão.



JP - Como é acontece o processo de produção destes filmes? 

PS - Inicialmente começamos por pensar no local onde se via desenrolar a história, depois começamos a escrever o guião, eu, a Tânia e ajuda de alguns membros da equipa. A escolha das roupas que as personagens vão utilizar vem logo a seguir e depois temos ao mesmo tempo a parte do início da divulgação dos projetos, principalmente a nível online.


JP - Nos dias de hoje a divulgação online, quer nas redes sociais quer em sites, é cada vez mais importante?

PS - A divulgação online é a nossa arma de divulgação, apesar de termos flyers e cartazes que também nos ajudam a dar a conhecer os nossos projetos, não há nada como um blogue, como a nossa página oficial, como o nosso canal no youtube, onde temos tido muitos seguidores.


JP - A comunicação social é importante na divulgação do vosso trabalho?

PS - Sim, é muito importante! É talvez a parte principal da divulgação. Já nos tentamos inscrever em alguns programas e concursos televisivos e estamos à espera de algumas respostas.


JP - Depois de todo este trabalho de produção e realização, há talvez a parte mais importante, que é a apresentação dos vossos filmes. Por onde é que já têm passado as vossas produções cinematográficas? 

PS - Normalmente, estreamos sempre os filmes no concelho de Cinfães, no Auditório Municipal. É a nossa casa mãe, onde gostamos mais de estrear e temos sido bem acolhidos pela Câmara Municipal, mas também já passamos por outros locais como as Freguesias de Nespereira, Piães e nos Concelhos de Resende e Castelo de Paiva. Neste ano de 2016, gostaríamos de poder apresentar os nossos trabalhos em algumas cidades, ainda não temos a certeza dos sítios mas estamos a trabalhar nisso.


JP - Depois da divulgação dos filmes em auditórios de vários locais, também acabam por os disponibilizar online?

PS - Sim, nós divulgamos os projetos no nosso canal oficial no youtube, onde pessoas de todo o mundo podem ter acesso. Algumas pessoas assistem aos filmes nos locais físicos e depois voltam a rever online!


JP - Este tipo de projetos requerem gastos, como é que vocês vão conseguindo juntar verbas que vos permitam realizar os vossos filmes?

PS - Nós temos alguns amigos e patrocinadores que nos vão ajudando. Começamos com dois patrocinadores e ultimamente já temos conseguido mais alguns. São ajudas pequenas mas que juntas são uma grande ajuda. Para além dos patrocinadores, vamos tentando dividir as despesas entre a equipa para conseguir realizar o projeto.



JP - Por vezes, as dificuldades económicas limitam o seu trabalho?

PS - Muito! Por exemplo, eu já tive ideias de fazer filmes fora daqui (dentro do concelho, mas fora da vila) e não consigo porque não tenho transportes. Nos filmes que realizei até agora todos os elementos foram transportados no meu carro e fica muito caro o combustível o que me limita as gravações a um certo local. [Também o poder central, nomeadamente o Governo através do Ministério da Cultural deveria olhar com outros olhos para estas iniciativas?] Sim, principalmente para quem não tem contactos e está a iniciar nesta área porque é muito complicado para quem não tem formação em cinema, para quem não tem meios económicos poder começar a trabalhar quando não tem qualquer apoio. É muito difícil trabalhar assim!


JP - A nível de apoios, é o Município um dos principais incentivos aos vossos projetos?

PS - Sim. A nível de incentivos a Câmara Municipal de Cinfães ajuda-nos muito. A nível monetário sabemos que é mais complicado, mas a outros níveis têm estado connosco.


JP - Como já referiu, a maior parte dos trabalhos realizados pelo Pedro Sá & Tânia Sousa Produções foram feitos no Concelho de Cinfães. Percebe a importância que tem os jovens divulgarem o seu concelho?

PS - Sim, eu sinto muito essa importância. Nós temos uma zona rica em paisagens e muitas vezes noto que as pessoas procuram os nossos filmes pelo local onde estão inseridos. Têm sido muitas as pessoas que assistem aos nossos filmes por causa dos locais onde são gravados.


JP - Olhando agora para o futuro próximo, já desvendou que o Pedro Sá & Tânia Sousa Produções estão a desenvolver um novo trabalho. Quando é que vão começar a produzi-lo?

PS - Terminámos o guião deste novo trabalho a semana passada e neste momento está a ser distribuído pelas personagens. Já estamos a tratar do guarda-roupa, dos locais de gravações e estamos à espera que o tempo melhore para começar as gravações.


JP - Como é que se chama esse trabalho e de que género se trata?

PS - Este novo filme chama-se “Isso Querias Tu” e é uma comédia. [Porque é que têm optado por realizar filmes de comédia? É a forma mais fácil de chegar as pessoas?] Sim, nós gostamos muito de outros temas mas reparamos que desde que fizemos a primeira comédia que o tema preferido aqui em Cinfães é a comédia e as pessoas dizem-nos muitas vezes que querem mais comédia. Acho que o país neste momento precisa de ver filmes de comédia e é uma boa maneira de divulgar, muitas vezes, a história das nossas regiões.


JP - O país tem passado de facto por algumas dificuldades a nível social e económico. O Pedro percebe a importância que tem os jovens criarem novos projetos, novas ideias, num concelho como Cinfães, que é o interior do país e onde os cidadãos não tem as mesmas oportunidades que porventura outros portugueses têm no litoral, mais concretamente nas cidades? E por outro lado, se acha que as pessoas dão valor ao vosso trabalho na área da cultura que têm desenvolvido?

PS - É assim, as pessoas que nos têm seguido eu penso que nos têm dado o devido valor. Mas por vezes, no geral acho que não dão o devido valor, acabam por não perceber o trabalho que nós temos. Penso que as pessoas também acabam por desistir de algumas ideias que têm devido à nossa localização e acho que não o deviam fazer, que deviam lutar mais. [O trabalho deve ser contínuo para que as ideias possam resultar e para que se possa cativar as pessoas?] Sim, é preciso muito trabalho! Por vezes há coisas que não correm tão bem mas não nos podemos deixar levar e temos que continuar a trabalhar: sempre em frente!


JP - Já falamos da importância dos Municípios enquanto impulsionadores destes projetos, mas também sabemos as lacunas que há para empreendedores como o Pedro Sá poder realizar os seus trabalhos. O que pensa que poderia ser feito para haver um maior incentivo a este tipo de projetos?

PS - Neste momento acho que já está a ser desenvolvida uma coisa muito boa aqui no concelho que é podermos ter cinema no Auditório Municipal. Foi uma boa iniciativa do Município de Cinfães. Acho que mais tarde, podíamos pensar em realizar festivais de cinema, festivais de curtas-metragens para podermos divulgar o trabalho que é feito na nossa região. Há muita gente aqui que gosta de cinema e não tem o seu trabalho divulgado da melhor forma. Também gostava que o Município pudesse ajudar-nos ainda mais na divulgação e levar os nossos filmes para fora daqui, para podermos mostrar que temos bons trabalhos e levar os nossos trabalhos às cidades!


JP - Apesar de todos estes trabalhos serem realizados por uma grande equipa, sei que o Pedro é um dos grandes impulsionadores. Sei também que tudo começou com a fotografia e depois acabou por começar a fazer vídeos. Como é que isso aconteceu?

PS - Essa evolução foi mais uma experiência que eu decidi fazer. Sempre gostei de fotografia desde pequenino e nunca pensei que pudesse fugir muito daí, eu gostava mesmo de fotografia. Houve uma altura em que fiz vários vídeos no Rio Bestança, só para ver como ficaria. Gostei do resultado e desde aí que comecei também a investir na área do vídeo! Gosto muito das duas áreas, da fotografia e do vídeo e não vou desistir de nenhuma, vou continuar a trabalhar nas duas.


JP - O que é que o Pedro espera que a fotografia e o vídeo lhe venha a trazer para a sua vida?

PS - Eu gostava de fazer desta área a minha vida. Já pensei em tirar o meu curso na área de cinema/design mas neste momento é complicado porque estou desempregado. Mais tarde, se correr tudo bem, quero trabalhar nesta área e quero fazer um filme de maior escala, quem sabe com atores conhecidos.



JP - No concelho de Cinfães não é o único a desenvolver trabalhos em cinema, como é que olha para essa concorrência?

PS - É a prova de que aqui há cada vez mais pessoas a gostarem de cinema e é muito bom podermos ter colegas a trabalhar na mesma área. É bom sinal!


JP - Apesar de amadora ainda, esta “indústria” do cinema pode vir a dar frutos no Concelho de Cinfães?

PS - Tenho a certeza que sim, tem-se notado tanto nas nossas estreias como nos filmes profissionais que agora estão a passar no Auditório Municipal têm tido uma aderência muito grande. Poderá ser um marco importante para o concelho. Agora depende de todos: depende de quem organiza e também das pessoas que podem ou não acolher estas iniciativas.


JP - Para quem quiser ajudar e participar nos vossos projetos, o que tem de fazer?

PS - Basta entrar em contacto connosco através das nossas Páginas Oficiais nas redes sociais ou através de alguns membros da equipa que a informação chegará a nós.


JP - Para comerciantes, empresas ou pessoas que pretendam ajudar ou patrocinar os vossos projetos cinematográficos, como o poderão fazer?

PS - Poderá falar comigo, todos os apoios serão bem-vindos independentemente dos valores e do tipo de apoio que nos possam dar, peço que falem connosco e chegaremos a um acordo positivo para ambos.


JP - Onde é que os nossos leitores podem conhecer mais sobre o vosso trabalho?

PS - Podem visitar o nosso canal no Youtube (www.youtube.com/pedrosafotografia), o nosso Blogue (pedrosaetaniasousaproducoes.blogspot.pt) e ainda a nossa Página Oficial no Facebook (www.facebook.com/pedrosaetaniasousaproducoes).


JP - Para além de estes trabalhos em cinema, se alguém pretender convidar-vos ou contratar-vos para outros projetos em vídeo, vocês estão disponíveis?

PS - Sim, apesar de neste momento estarmos muito ocupados, mas aceitamos convites de todos os géneros, sejam videoclipes, sejam curtas-metragens. Estamos a realizar já algumas coisas desse tipo e continuamos a aceitar desafios.


JP - Pedro, num futuro médio a longo prazo, o que é que espera que o cinema possa ser em Cinfães?

PS - Eu gostava que estivesse muito mais evoluído e que existisse aqui um grande festival de cinema à semelhança do festival de Arouca, uma zona tão perto e com um festival muito bom. Essencialmente, que pudéssemos ter mais pessoas a trabalhar nesta área porque a concorrência é boa para todas as partes, ajuda-nos a trabalhar ainda mais para sermos melhores.


JP - Gostaria de acrescentar alguma coisa a esta entrevista?

PS - Quero agradecer a todos os meus colegas que estão comigo e dizer que sem eles nada era possível. Eles são o principal sustento deste projeto.


JP - Pedro, muito obrigado por esta entrevista!

PS - Obrigado.

Por Notícias de Resende | segunda-feira, 29 de fevereiro de 2016 | Publicado em , | Com 0 comentários

O Município de Resende em parceria com a Agência para a Modernização Administrativa abriu, no Centro Cívico de S. Martinho de Mouros, o Espaço do Cidadão, privilegiando a proximidade com os seus munícipes.

No espaço, que já se encontra em pleno funcionamento, os munícipes podem aceder, num só local e com a ajuda de um colaborador com formação habilitada, a diversos serviços de organismos públicos e centrais, solicitar informações úteis e realizar tarefas que, de outro modo, obrigariam a deslocações demoradas e dispendiosas.

Nestes novo Espaço do Cidadão, os Resendenses podem, por exemplo, solicitar a renovação da Carta de Condução, entregar despesas ADSE, tratar de assuntos relativos a emprego e formação profissional, atualizar a morada no Cartão de Cidadão, solicitar o Cartão Europeu de Seguro de Doença e muitos outros.

De referir que o Espaço do Cidadão é uma iniciativa inovadora de atendimento em balcão único que concretiza o conceito de atendimento digital assistido, permitindo aos munícipes que não possuem recursos para aceder à internet, o acesso a diversos serviços digitais da Administração Central com a ajuda de mediadores devidamente habilitados.

Assim, o Espaço do Cidadão de S. Martinho de Mouros, com horário de abertura de segunda a sexta-feira, das 09h00 às 12h30 e das 14h30 às 18h00, oferece mais de 100 serviços num só espaço, mais perto de si!

Com esta iniciativa, o Município de Resende possibilita aos seus Munícipes o acesso equitativo aos serviços públicos, promovendo a sua aproximação à população.
Por Notícias de Resende | sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários

Os vários estabelecimentos de ensino do Agrupamento de Escolas de Resende bem como o Externato D. Afonso Henriques, depois de uma avaliação com a Proteção Civil Municipal, decidiram suspender as aulas na tarde desta sexta-feira, não havendo qualquer tipo de atividades letivas depois das 14h. A intenção prende-se com o facto de os alunos que necessitam do transporte escolar poderem regressar às suas casas com o menor constrangimento possível, uma vez que está previsto as condições meteorológicas agravarem-se com o final do dia.


Já durante a manhã, a neve que cai com intensidade desde a madrugada desta Sexta-feira obrigou ao corte da Estrada Nacional 321 que liga Cinfães a Castro Daire e também das Estradas Municipais 553 (Felgueiras – Resende) e 553-1 (Feirão – Resende), de acordo com informação da Guarda Nacional Republicana de Viseu na sua Página Oficial no Facebook. Não há para já previsões para a reabertura destas vias que se encontram cortadas devido à intensa queda de neve.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê neve acima dos 1000/1200 metros de altitude com a cota a baixar gradualmente a partir da tarde desta sexta-feira para os 400/600 metros de altitude, devendo este cenário de queda de neve acontecer na Serra do Montemuro, abrangendo várias localidades do concelho de Resende. ”No sábado, há uma possibilidade de a cota da neve baixar para 300/400 metros na região Norte até ao início da manhã.”, afirma o IPMA.

João Pereira
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , , , , | Com 0 comentários
Centenas de alunos de escolas dos concelhos de Castro Daire, Cinfães e Resende, no distrito de Viseu, estão hoje a regressar mais cedo a casa devido à queda de neve, disseram à agência Lusa fontes das autarquias.

No concelho de Castro Daire, depois de almoço, "por uma questão de precaução, foram encerradas algumas escolas primárias, nomeadamente a do Mezio, a das Carvalhas e a de Picão", explicou o vice-presidente da autarquia, Eurico Moita.

Por outro lado, "houve alunos que frequentam a Escola Básica 1 de Castro Daire que vivem na zona de Bustelo, Almofala e S. Joaninho que fizeram a refeição e foram para as suas casas", referiu, acrescentando que o fim de semana começou mais cedo para cerca de 250 alunos do concelho.

Eurico Moita justificou que a decisão se ficou a dever ao facto de as previsões meteorológicas apontarem para a queda de neve em cotas acima dos 400/600 metros, o que poderia complicar o regresso a casa dos alunos que vivem na Serra do Montemuro.

"Entrámos em contacto com a empresa que habitualmente efetua os transportes escolares para os levarem", por as suas viaturas ainda conseguirem circular nas estradas, acrescentou.

No concelho de Cinfães não há escolas encerradas, mas cerca de 50 alunos também foram transportados mais cedo para casa.

"Os alunos que residem nas aldeias da Serra do Montemuro (Gralheira, Ramires, Alhões e Bustelo) já foram levados para as suas residências, porque depois não conseguiriam chegar lá. Os outros mantêm as aulas normais", explicou o presidente da autarquia, Armando Mourisco.

Segundo o autarca, os alunos foram transportados cerca das 13:30 "até onde ainda é transitável e, daí, foram para as suas aldeias nos jipes dos bombeiros e do município".

A mesma solução foi posta em prática no concelho de Resende, onde também não há escolas fechadas, mas "os meninos que vivem nas zonas onde está a cair neve estão a ser transportados mais cedo para casa".

De acordo com fonte da autarquia, "antes do almoço foram transportados os meninos do centro escolar de S. Cipriano: quatro para Feirão, oito para Panchorra e Talhada, dez para Ovadas e quatro para Roças".

Entretanto, foi decidido que os autocarros que habitualmente levam as crianças às 16:30 antecipariam o transporte para as 14:30.

"Os autocarros vão fazer o circuito normal até onde puderem. Quando chegarem às vias que estão impedidas por causa da neve, estão lá carrinhas da Proteção Civil que vão transportar os meninos", acrescentou.

Segundo a mesma fonte, estão carrinhas na zona de S. Cipriano (para fazer o transporte até Ovadas e Roças), em Felgueiras (para fazer o transporte até Feirão, Panchorra e Talhada) e em S. Martinho de Mouros (para fazer transporte até Moumiz).

"Estes meninos pertencem à escola preparatória, à escola secundária e ao externato e vivem nessas localidades", acrescentou.

No distrito de Viseu encontram-se cortadas, devido à queda de neve, a Estrada Nacional 321, entre Castro Daire e Cinfães, e as municipais 553 (entre Resende e Feirão) e 553-1 (entre Resende e Bigorne).

Agência Lusa
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
As condições meteorológicas foram-se agravando ao longo da manhã no concelho de Baião. As temperaturas desceram acentuadamente e a queda de neve intensificou-se.

A Câmara Municipal de Baião contatou todos os Agrupamentos de Escolas e IPSS`S do concelho, no sentido de encontrarem a melhor solução para a segurança dos cidadãos.

Os Agrupamentos de Escolas do Vale de Ovil e de Santa Marinha do Zêzere encerraram às 15 horas, seguindo-se o fecho do Agrupamento de Eiriz- Ancede.

Os alunos destes três Agrupamentos  já estão a ser transportados para as suas habitações.
O Serviço Municipal de Proteção de Civil de Baião encontra-se no terreno, tendo comunicado o encerramento da Estrada Nacional 101, de ligação Amarante a Mesão Frio.

Nas Estradas Municipais 579 ( Baião/Santa Marinha do Zêzere) e 578 (Valadares/Gestaçô) transita-se com condicionalismos.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
Um grupo de alunos do 11º ano, da Escola Secundária Baião, acompanhados do Professor de Moral, Rodolfo Campos, realizaram, no passado dia 23 de fevereiro, uma visita ao Salão Nobre dos Paços do Concelho.

Foram recebidos pelo presidente e pela vice-presidente da autarquia , Paulo Pereira e Ivone Abreu, respetivamente.

Os dois autarcas, para além de presentearem os alunos com uma “aula” sobre gestão autárquica e democracia, explicaram a constituição dos órgãos autárquicos - Executivo e  Assembleia Municipal -, o processo eleitoral,  a distribuição dos diversos pelouros pelos Vereadores eleitos, e ainda, fizeram referência aos serviços públicos prestados pela autarquia.

No decorrer da conversa com os alunos, a vice-presidente, salientou as dificuldades sentidas antes do 25 de abril de 1974, e a importância dos mais jovens se envolverem e participarem nos assuntos da comunidade, “não deixem para os outros o que pode ser feito por vós”, referiu Ivone Abreu.

“Todas as profissões e ofícios são igualmente dignos, o importante é as pessoas fazerem bem o que lhes compete, empenharem-se. Dessa forma, para além da realização pessoal, obterão o respeito e o reconhecimento por parte dos outros”, referiu o presidente da Câmara Municipal, antes de “provocar” os alunos, para que num futuro próximo, façam parte ativa da vida social baionense, ao nível das diversas instituições e mesmo a nível político.

Para terminar a sua intervenção o edil baionense desafiou os alunos a envolverem-se ativamente em atividades como o Festival Byonritmos, a Recriação Histórica e noutras atividades do município.

No final da “aula” os autarcas responderam de forma clara às questões pertinentes que os alunos iam colocando, satisfazendo assim a curiosidade dos mesmos.
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
A neve que cai com intensidade desde a madrugada desta Sexta-feira já obrigou ao corte da Estrada Nacional 321 que liga Cinfães a Castro Daire e também das Estradas Municipais 553 (Felgueiras – Resende) e 553-1 (Feirão – Resende), de acordo com informação da Guarda Nacional Republicana de Viseu na sua Página Oficial no Facebook.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê neve acima dos 1000/1200 metros de altitude com a cota a baixar gradualmente a partir da tarde desta sexta-feira para os 400/600 metros de altitude, devendo este cenário de queda de neve acontecer na Serra do Montemuro, abrangendo várias localidades do concelho de Resende. ”No sábado, há uma possibilidade de a cota da neve baixar para 300/400 metros na região Norte até ao início da manhã.”, afirma o IPMA.

Não há para já previsões para a reabertura destas vias que se encontram cortadas devido à intensa queda de neve.

João Pereira
Por Notícias de Resende | quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016 | Publicado em , , | Com 0 comentários
O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê já a partir da tarde desta sexta-feira um agravamento do estado do tempo, com chuva por vezes forte passando depois a aguaceiros que poderão ser de granizo e acompanhados por trovoada.

Também a neve está de regresso acima dos 1000/1200 metros de altitude com a cota a baixar gradualmente a partir da tarde de sexta-feira para os 400/600 metros de altitude, devendo este cenário de queda de neve acontecer na Serra do Montemuro, abrangendo várias localidades do concelho de Resende. ”No sábado, há uma possibilidade de a cota da neve baixar para 300/400 metros na região Norte até ao início da manhã.”, refere o IPMA.

O vento irá aumentar a sua intensidade com rajadas entre os 80/90 km/h que nas terras altas podem atingir os 100/110 km/h, em especial no Centro e Sul do país.

A temperatura terá também uma descida significativa a partir de sexta-feira. Em comunicado, o Instituto Português do Mar e da Atmosfera prevê que “os valores mínimos, no fim de semana, deverão variar entre 3 e 6ºC, sendo inferiores nas regiões do interior Norte e Centro, a variar entre -6º e 0ºC”.

A agitação marítima vai ser forte na costa ocidental, com a altura das ondas a variar entre 5 e 6 metros durante o fim de semana.

Pode ler o comunicado do IPMA na íntegra aqui: http://www.ipma.pt/pt/otempo/comunicados/index.jsp. Devido a este comunicado do Instituto Português do Mar e da Atmosfera, também a Autoridade Nacional de Proteção Civil emitiu um aviso à população onde faz várias recomendações que pode consultar aqui: http://www.prociv.pt/Pages/Noticias.aspx?NoticiaId=1073.

João Pereira
Fotografia: Foto Ideal
Por Notícias de Resende | | Publicado em , , , | Com 0 comentários
Rui Sinel de Cordes, o Cavaleiro Negro do humor em Portugal, depois de esgotar todas as sessões de “Isto Era Para Ser Com o Sassetti” em Lisboa e Porto, dá mais um passo em frente.  Je Suis Cordes é mais um espectáculo de stand-up comedy -  o quarto solo do humorista desde 2012 -  que foi apresentado no Teatro Sá da Bandeira, no Porto, e de forma absolutamente inédita e arrojada no Coliseu dos Recreios de Lisboa, ambos lotados, terá lugar agora na Associação Zona Livre em Vila Real pelas 22H de dia 5 de Março, com bilhetes a custarem 10 euros. Os bilhetes estão disponíveis na Ticketline e no local através do número 259 348 461.

No mesmo ano em que irá lançar o seu segundo livro, e com o seu sexto projeto com a SIC Radical, "Very Typical”, em exibição, Rui Sinel de Cordes cria este espectáculo que marca o regresso ao estilo de stand-up comedy puro a que nos habituou em “Black Label” e “Punchliner”, pelo que o público pode contar com estórias engraçadas, one-liners, pensament... oh, quem é que estamos a tentar enganar?

Será mais uma noite épica de rock 'n' roll em forma de comédia, sem regras nem pedidos de desculpas e carregado de gin tónico e verdades incómodas.

Mas acima de tudo, gin tónico.