Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
REGIÃO: Baião: Contas de 2012 aprovadas pela Assembleia Municipal de Baião
segunda-feira, 22 de abril de 2013 Publicado por Notícias de Resende

Os documentos relativos à prestação de contas e a aplicação do resultado líquido, ambos relativos ao ano de 2012, foram aprovados pela Assembleia Municipal de Baião, com apenas 7 abstenções, na tarde de 20 de Abril.

Na sessão ordinária da Assembleia Municipal, o presidente da Câmara Municipal, José Luís Carneiro, focou a elevada taxa de execução do Plano de Atividades, que se situou nos 82,5 por cento o que no seu entender “traduz o rigor e o bom desempenho dos serviços municipais e de toda a equipa de vereação”.

José Luís Carneiro fez referência ao resultado líquido do exercício económico ter sido positivo, pelo segundo ano consecutivo, situando-se nos 104 mil euros, enquanto o saldo da execução orçamental cifrou-se nos 121 mil 849 euros.

Por outro lado, fruto de uma redução no valor da despesa corrente foi possível canalizar um total de 1 milhão e 33 mil euros para investimentos de capital. Registaram-se, ainda, reduções na despesa com pessoal (471 mil euros), nas aquisições de bens e serviços (390 mil euros) e nas transferências correntes (62 mil euros).

“Estes resultados demonstram de forma inequívoca a capacidade de trabalho de uma equipa competente e empenhada no bem-estar dos baionenses e o rigor com que as contas municipais são geridas”, referiu José Luís Carneiro.

PRINCIPAIS INVESTIMENTOS

O valor global do investimento da Câmara Municipal na educação, em 2012, foi de 2 milhões e 609 mil euros. Grande parte deste valor, 1 milhão e 685 mil euros, deveu-se ao investimento nas oras de construção dos centros escolares de Eiriz/Ancede, Santa Marinha do Zêzere e de Santa Cruz do Douro.

Para proporcionar refeições aos alunos, transportes escolares e para garantir o funcionamento das escolas básicas e dos jardins-de-infância do concelho, a Câmara de Baião despendeu, em 2012, um total de 894 mil e 794 euros.

Na vertente social a autarquia canalizou 130 mil e 400 euros no apoio às Instituições Particulares de Solidariedade Social, na melhoria de condições de habitação dos cidadãos carenciados e ainda no fundo de solidariedade social e no combate ao isolamento dos cidadãos seniores.

214 mil euros foi o valor canalizado para a integração de cidadãos desempregados e para a promoção de estágios profissionais no interior da organização.

A transferência de fundos para as Juntas de Freguesia ascendeu a 495 mil euros, tendo estes valores sido destinados, em regra, à melhoria da mobilidade e da circulação de pessoas e bens no interior e entre as diversas freguesias.

No plano da qualificação das vias de comunicação, destacou-se a conclusão do acesso sob a Ponte das Quebradas (Santa Leocádia), no valor de 292 mil e 368 euros e o arranque da construção da Estrada entre Mirão e Bicheiro, uma obra na qual foram investidos, em 2012, 68 mil e 582 euros. Foram igualmente investidos 357 mil euros na abertura, alargamento e pavimentação de vários acessos por todo o concelho.

No âmbito do ordenamento do território e da qualificação do espaço público, foram aplicados 111 mil e 651 na realização de arranjos urbanísticos e na criação de centros cívicos em várias freguesias. A regeneração urbana mereceu, ainda, um forte investimento de 1 milhão e 11 mil euros, que serão em grande medida devolvidos à autarquia, graças à comparticipação por via de fundos comunitários.

A promoção dos produtos e da gastronomia de Baião foi feita por via dos eventos Feira do Fumeiro e do Cozido à Portuguesa, Festival do Anho Assado e do Arroz do Forno e de um investimento de 75 mil euros no apoio à criação do restaurante da Fundação Eça de Queiroz e na criação de um espaço com produtos de Baião na cidade do Porto. Merecem, também, relevo as parcerias estabelecidas com a Associação Empresarial de Baião e a criação do Mercado de Produtos Tradicionais, que tem lugar todos os sábados de manhã na vila de Baião.

A cultura e o património não foram esquecidos. A promoção do teatro e da música erudita para a população baionense mereceu um investimento de 15 mil e 600 euros. A inserção de Baião na Rota do Românico, através dos monumentos Mosteiro de Santo André, Ponte de Esmoriz e Igreja de Valares deu os primeiros passos em 2012, tendo a Câmara de Baião transferido 29 mil euros para aquele rede comum de promoção do património da região.

Destaque, ainda, para os apoios recebidos pelos ranchos folclóricos federados e não federados, bandas de música e Fundação Eça de Queiroz: estes dinâmicos atores, responsáveis pela promoção da cultura e da arte em Baião, receberam mais de 91 mil euros em 2012.

Por fim, foram investidos 120 mil euros na conclusão dos Centros Comunitários de Teixeiró e de Loivos da Ribeira e 56 mil e 834 euros na qualificação de espaços religiosos, como a Capela de Telões (Loivos do Monte), onde foram descobertos valiosos “frescos” do século XV.

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "REGIÃO: Baião: Contas de 2012 aprovadas pela Assembleia Municipal de Baião"

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html