Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
Entrevista a Marcos Antunes: Escola de Futsal "Os Afonsinhos"
quinta-feira, 7 de agosto de 2014 Publicado por Notícias de Resende

A Escola "Os Afonsinhos" é uma escola de futsal situada em São Martinho de Mouros, concelho de Resende. Marcos Antunes, fundador da escola, conta-nos o sucesso do seu protejo na entrevista feita pelo Notícias de Resende.

Rafael Barbosa (RB): A Escola de Futsal “Os Afonsinhos” tem vindo crescer cada vez mais. Como tem visto esse crescimento e o que significa para a escola?

Marcos Antunes (MA): A Escola de Futebol “Os Afonsinhos”, através de um compromisso educativo, objetiva fornecer um leque de experiências diversificadas, marcado por aprendizagens significativas e multilaterais, que culmina num desenvolvimento educativo, social e desportivo da criança.

Para nós é importante reforçar a cultura do clube e fomentar a mística e o “fervor” clubístico, partilhando o quotidiano de um emblema especial, é algo que pode ser vivido de uma forma prática e lúdica, privilegiando o crescimento sustentado dos mais jovens alunos desta Escola.

Significa também o reconhecimento nacional á qualidade do nosso projecto, o reconhecimento de São Martinho de Mouros como a Vila com o Futsal no coração, e a promoção do nosso concelho de Resende e dos nossos produtos através do Desporto.


RB: Os principais objetivos de quando criou a escola já foram todos concretizados?

MA: Somos muito exigentes. Queremos sempre mais. Mas mais com imensa qualidade e com os pés bem assentes em terra firme.

A pergunta obviamente que faz todo o sentido, e o sucesso dos Afonsinhos é reflexo desse mesmo trabalho de qualidade, e desmanchando um pouco a pergunta, bem elaborada, provando que com crença e valorização do nosso trabalho, tudo isto se tornou possível.

Promover um espaço, para mim, mais do que desportivo, reconhecido pelas mais altas entidades que dominam o futsal nacional, como de referência numa altura em que tudo nos querem tirar (Tribunal, Finanças, Serviços de saúde), e proporcionar aos miúdos condições que as grandes cidades por vezes procuram e não têm, faz logo todo o sentido.

Mas ainda nem tudo está concretizado.


RB: Que dificuldades vão tendo ao longo deste glorioso percurso?

MA: Sou uma pessoa muito positiva, batalhadora, criativa, mas muito humilde.

Hoje sou, como deves compreender, uma pessoa muito feliz, mas não acomodada. Quero sempre mais. Ter o reconhecimento nacional de um projeto longe de tudo, deixa-me orgulhoso e a quem trabalha comigo. E estou ainda mais orgulhoso pelos pais que tenho ao meu lado neste percurso. Uma geração de pais e familiares de topo, e um dos pilares mais sustentados do nosso projecto.
Com eles as dificuldades são pequenos percalços vencidos, pois juntos vencemos tudo.

Para fazeres a diferença, seja qual for o tipo de atividade, tens de aprender com os melhores. Saber ouvir. Aprender. Memorizar.

Durante este espaço de tempo fomos preparando também os pais para a realidade do que é o desporto, para perceberem as nossas opções e sobretudo envolvendo-os claramente e objetivamente na essência dos nossos princípios, contornando as dificuldades.

Todos os eventos deixam mensagens salutares e facilitam o nosso trabalho enquanto formadores de jovens.
Para nós a palavra dificuldade não existe! Substituímos a mesma por Desafios!



RB: Este projeto já tem algumas parcerias. Diga-me quais e o que significam para a escola.

MA: Tenho de destacar as parcerias com o Sport Lisboa e Benfica e brevemente com a Federação Portuguesa de futebol

Julgo que a nível diretivo e de organização os grandes clubes estão bem organizados e atentos aos bons trabalhos que se fazem.

O Sport Lisboa e Benfica tem nos seus quadros, a par da FPF, das melhores pessoas que temos conhecido no futsal: o Sr. Alípio Matos e o ex-treinador João Freitas Pinto, assim como o actual Joel Rocha. Pessoas de uma competência extrema e sobretudo pessoas de bem. Repararam no nosso trabalho e houve uma vontade conjunta da parceria.

O que é excelente, essencialmente porque beneficia os nossos meninos, o clube e o nosso crescimento. Lembramos que tivemos mais oportunidades de parcerias mas optamos pelas razões anteriores pelo Benfica.

Esta parceria permitirá formação de técnicos, convívios, visitas, material e algumas atividades conjuntas.

É com imenso prazer que vejo os Afonsinhos associados ao Sport Lisboa e Benfica. Sentimos que é um reconhecimento nacional ao nosso fabuloso trabalho.
Também em setembro lançaremos um projecto inovador do Futsal no 1º ciclo, em parceria com a FPF e o Município de Resende, onde no país só vão existir 2 escolas a fazê-lo. E Uma em São Martinho de Mouros que deve deixar orgulhosos todos os que amam o desporto Resendense!



RB: Como vê o desporto no concelho de Resende?

MA: Julgo que chegou uma altura em que se deve potencializar ao máximo o Desporto Resendense! Juntar aos bons trabalhos realizados na formação, resultados em conformidade com os objetivos traçados pelos Clubes e Município.
Colocar as pessoas melhores preparadas e com mais vocação nos lugares certos e proporcionar-lhes condições mas também exigir-lhes responsabilidades e resultados.
Julgo que assim teremos um melhor desporto concelhio, potenciando a prata da casa, atletas formados no concelho e do concelho a defender as cores dos clubes da terra que amam.
Parece –me claramente que o Novo executivo municipal está atento e prepara-se para que tudo isto aconteça. Pelo que me apercebo, todos os clubes e associações desportivas elogiam o Município no que proporciona e na relação com os clubes.
O Sr. Presidente, Dr. Manuel Trindade tem feito um trabalho magnífico na relação com as coletividades desportivas. E os resultados estão aí.


RB: Pretende expandir o projeto?

MA:O crescimento que tivemos em 3 anos é extraordinário. Há possibilidades de até internacionalizar a marca  Os Afonsinhos.

Há neste momento uma proposta de Angola e outra dos Estados Unidos da América para que tal aconteça. Mas é como já disse anteriormente, gostamos de fazer o nosso caminho calmamente, e sobretudo queremos em primeiro lugar o bem estar e valorizar os nossos meninos, os Resendenses!



RB: Como é adesão pela população jovem de São Martinho de Mouros?

MA: Os Afonsinhos estão direcionados para crianças dos 5 aos 14 anos, masculinos e femininos, nos escalões de Traquinas, Benjamins, Infantis e Iniciados.

Como devem calcular, para as crianças foi uma lufada de ar fresco na formação pessoal e desportiva.

Ensinamos a modalidade de Futsal, associada a valores que nos interessam muito: Amizade, Socialização e Excelência Escolar.

Decidimos começar com um método inovador de preparar os nossos meninos através de uma aprendizagem alongada do futsal, sem pressas da competição, sem queimar etapas de aprendizagem e, o que é certo, é que só passados 2 anos e, depois de termos os nossos atletas já bem preparados e a dominar relativamente os pressupostos da modalidade que amamos, decidimos começar a competir.

Durante este espaço de tempo fomos preparando também os pais para a realidade do que é o desporto, para perceberem as nossas opções e, sobretudo, envolvendo-os claramente e objetivamente na essência dos nossos princípios.

Como vocês acompanham são cada vez mais os meninos de São Martinho de Mouros, Barrô, Paus, São João e de Resende.


RB: Que novidades estão para vir e novos objetivos a definir.

MA: Como deverás compreender alguns objectivos são segredo  Mas brevemente terás novidades em primeira mão na medida que formos concretizando os nossos sonhos.
Uma situação que fique bem clara: não somos acomodados! Queremos sempre mais.



RB: Como se relaciona a Escola de Futsal “Os Afonsinhos” com a escola? Os Afonsinhos conseguem ter bom rendimento escolar e que influências a escola de futsal trás?

MA: Tem sido um ponto fulcral e excelente.

Fazemos da Escola um grande parceiro . Tentamos criar actividades que valorizem o meio escolar e a ligação Agrupamento de Escolas / Afonsinhos.

Os resultados são completamente de Excelência. Os atletas sabem que se não aliarem boas notas às unidades de treino não poderão competir. Radical? Talvez. Mas com resultados muito positivos.

Os próprios colegas dos Afonsinhos por vezes sacrificam-se ajudando a estudar os que tem mais dificuldades. Eles sabem que se cumprirem com o combinado terão surpresas muito positivas, por exemplo: este ano tivemos no final do jogo da seleção nacional em Moimenta da Beira, com os atletas da seleção e equipa técnica a conviver. Tiraram fotos com o Ricardinho, Arnaldo, Pedro Cary e com o nosso amigo Jorge Braz. Foi um dos compromissos pelas excelentes notas escolares. Aconselho a todas as equipas de formação.

Queremos excelentes atletas, excelentes alunos e sobretudo excelentes seres humanos. Formá-los, e dotá-los de qualidades pessoais que por vezes sobressaem mais que as qualidades técnicas e tácticas, como é exemplo da A. D. Fundão. Como disse o avô de um atleta nosso, na nossa reportagem na rádio TSF, o objetivo passa por tirá-los da maroteira. Passa por terem um espaço que seja mais do que desportivo, mas social e de aprendizagem.


RB: Gostaria de acrescentar algo à sua entrevista?

MA: Aproveito para , através deste espaço que me dás,  agradecer a todos aqueles que proporcionam estes sucessos.

Essa é uma parte muito importante do projeto. É bom dar a conhecer estes apoios. Sem estas pessoas que muito nos ajudam, o projeto Afonsinhos não ganhava as proporções que neste momento exibe.

Este ano vamos ter 3 equipas federadas, mais uma que o ano passado, o que exige uma organização financeira muito bem organizada.

Temos dois tipos de apoios: Institucionais e Particulares.

Os Institucionais e, começando pela Autarquia, na pessoa do Sr, Presidente Dr. Manuel Trindade, que nos ajuda imenso, proporcionando condições únicas aos nossos jovens para a sua formação desportiva e pessoal. Tem a vantagem de perceber perfeitamente o que realmente necessitamos. Sem este parceiro estratégico seria impossível o sucesso dos Afonsinhos.

O Sr. Padre Excelso, que tem sido incansável para nos proporcionar o Salão Paroquial, para recebermos os nossos eventos.

Depois temos as Juntas de Freguesia: S. Martinho de Mouros, Paus, Barrô, S. João de Fontoura e Resende, onde residem a totalidade dos atletas dos Afonsinhos.

O Instituto do Turismo do Porto e Norte de Portugal, o Instituto Português do Desporto e Juventude, o Plano Nacional de Ética no Desporto, Maia Cidade Europeia do Desporto, sempre disponíveis para os nossos eventos.

Quanto aos particulares temos o António Trindade (atrindade.pt) agente Remax, filho da terra e sempre disponível para tudo o que pedimos com a sua dinâmica e vontade. A Douro Azul, do Mário Ferreira, de uma bondade extrema e sincera e um enorme parceiro. A GATEC, do Eng.º João Perpétuo, uma ajuda enorme e uma força de vontade grande. A Clínica Dentária de Gestaçô, outro parceiro ativo e de valor. O Pub Fora d” Horas, do João Pereira sempre disponível. A Ourivesaria Rio de Prata e Econsumiveis, outra ajuda essencial e fantástica.

O Mathias Supermercados com um apoio de peso e de grande valor e a Dreamplex, do Pedro Chaves, mais um filho da terra com atenção aos projetos e com um apoio também muitíssimo importante.

E recentemente o Café sem Limites e Nelson David José, Produção e Comércio de Frutas.
Medicina Dentária de Resende, com sede na Santa Casa da Misericórdia, e a Loja da Bé.

São muitas as ajudas e fazemos questão de agradecer publicamente, pois sem eles era impossível ter todo este sucesso.

Quero em primeiro lugar agradecer-te pelo fantástico trabalho que fazes  nas tuas reportagens. Tu e o João Pereira.  É um trabalho de qualidade pelo qual te dou os parabéns sinceros.

Todo o sucesso, comedido, que vamos tendo dedico-o à minha família, essencialmente à minha esposa, pais e irmão. Sem eles seria difícil todo o sucesso em crescendo.

Depois a toda a família Afonsinhos e pessoas que nos seguem.

E para terminar deixo a frase que nos carateriza, deixando um abraço a todos que amam o futsal como nós, convidando todas as pessoas que nos queiram visitar e conhecer-nos melhor:,pois temos sempre a porta aberta.

Grande abraço


Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "Entrevista a Marcos Antunes: Escola de Futsal "Os Afonsinhos""

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html