Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
CINEMA: Crítica "Frozen- O Reino do gelo"
sexta-feira, 4 de abril de 2014 Publicado por Notícias de Resende

Este mês o cinema em Resende é dedicado aos mais novos. No dia 4 de Abril será exibido o filme “O Tempo dos dinossauros”. Já no dia 18 de Abril é a vez de “Frozen- O Reino do Gelo”. Foi sobre o segundo que decidi falar. Sou de uma geração que cresceu a ver filmes da Disney. Sempre que fazia anos alguém me oferecia uma VHS com o filme de animação mais recente da altura. Cantei com o Sebastião, caranguejo da “Pequena Sereia”, dei gargalhadas com os anões da “Branca de Neve” e chorei baba e ranho quando o pai do Simba, “Rei Leão”, morreu, e sim tinha 5 anos mas lá no fundinho sou sentimentalista. O mágico na Disney é que apesar de haver sempre o final feliz, todas as histórias nos mostram tormentos pelos quais se passam na vida e todas elas nos dão uma lição de vida. E têm sempre uma pitada de bom humor o que faz com que as suas histórias para além de encantar os miúdos também encantam os graúdos. O mesmo acontece com o “O Reino de Gelo”.

A sinopse da Lusomundo diz o seguinte: “A destemida optimista Anna parte para uma aventura épica com Kristoff, um grosseiro homem das montanhas, e a sua leal rena Sven, para encontrar a sua irmã Elsa, cujos gélidos poderes encarceraram o reino de Arendelle num Inverno eterno. Enfrentando condições que lembram o Everest, trolls místicos e Olaf, um hilariante boneco de neve, Anna e Kristoff lutam contra os elementos numa corrida para salvar o reino.” A história começa com a amizade entre as duas princesas em pequenas. Anna usa os poderes da irmã para diversão, costumam brincar as duas, enquanto Elsa lança gelo por todo o lado dentro do castelo a irmã faz patinagem. Até que uma noite Anna sai magoada e para ser salva pelos trolls da floresta, Elsa tem que esconder os poderes para sempre. A partir daí cria-se um afastamento entre as duas que Anna, cuja memória dos poderes da irmã foi apagada, não compreende o motivo. As irmãs crescem isoladas e só quando um acontecimento fortuito faz com que Elsa revele o seu segredo e se afaste para as montanhas é que Anna percebe o porquê do isolamento da irmã e vai à sua procura para a trazer de volta, salvar a relação com ela e salvar também o reino que ficou debaixo de gelo. Durante o caminho conhece Kristoff que depois de tanta insistência por parte da princesa decide ajudá-la a encontrar a irmã. Começa então aí a sua jornada cheia de aventura e gargalhadas.

O ponto alto do filme é mesmo o Olaf. Apesar de todas as personagens terem cenas caricatas que nos roubam gargalhadas o boneco de neve é sem dúvida o centro das atenções a partir do momento que entra. Primeiro porque é um boneco de neve que ganhou vida. Depois porque é simplesmente hilariante com a sua inocência, tanto que o maior sonho da vida dele é poder ir para um sítio onde haja Verão, para sentir a areia e o calor, ir até à praia. E não, ele não sabe que derrete. E depois porque para além disso, é carinhoso e não vê maldade em ninguém.

O “Frozen- Reino do Gelo” vale a pena. É o regresso da Disney aos filmes de qualidade, algo que já tinha retomado recentemente com o “Entrelaçados”. È uma história deliciosa para os miúdos e aposto que os adultos que os acompanharem também irão gostar. E gelado só mesmo o título, porque a alegria das personagens e a doçura do Olaf derretem qualquer um.

Bons Filmes!

Raquel Evangelina

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "CINEMA: Crítica "Frozen- O Reino do gelo""

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html