Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
CDU Viseu: Encontro Distrital de Viseu de eleitos e activistas da CDU
segunda-feira, 12 de junho de 2017 Publicado por Notícias de Resende

O Encontro Distrital de Viseu de Eleitos e Activistas da CDU, reuniu no Solar dos Peixotos, mais de uma centena de participantes e procedeu à avaliação da situação do Poder Local no Distrito, da acção e intervenção da CDU e dos seus eleitos nos diversos órgãos, à troca de experiências e tomada de medidas para melhorar a ligação às populações e o apoio aos eleitos.

A constituição de uma Comissão Coordenadora Distrital da CDU, com vista à preparação das próximas eleições autárquicas, foi outra das decisões do Encontro.

No Distrito, o quadro político saído das eleições autárquicas de 2013, não sofreu grandes alterações em relação a 2009. O PSD detém 13 Câmaras e o PS 11. Contudo, a gestão de ambos os partidos nas Câmaras e Juntas de Freguesia, caracteriza-se por um presidencialismo e populismo descarados, associado ao afastamento das populações da definição das políticas autárquicas, a guerras intestinas, que resultam em prejuízo das populações e da imagem do poder local democrático, à falta de estratégia regional para resolver problemas comuns, à aposta nas políticas imediatistas e eleitoralistas.

Prosseguindo um caminho de aumento contínuo de votação e percentagem, que vem desde 2001, em 2013 a CDU obteve para as Câmaras Municipais, mais 1.375 votos e para as Assembleias Municipais, mais 1.238 votos que em 2009. Aumentos concretizados igualmente com a obtenção de representação nas Assembleias Municipais em mais quatro concelhos, com recuperação do eleito em Lamego e eleição de novo, depois de décadas de interregno, para as assembleias municipais de Moimenta da Beira, Nelas e Viseu. Esta última com a importância e visibilidade que lhe confere o estatuto de capital de Distrito.

Menção especial merece o resultado da CDU em Real, Concelho de Penalva do Castelo, com a obtenção da maioria absoluta para a Assembleia de Freguesia, coroando um primeiro mandato exemplar e pioneiro, que fez jus à consigna da CDU de Trabalho, Honestidade e Competência.
Todos estes resultados conferiram novas responsabilidades à CDU e aos seus eleitos, proporcionando, em simultâneo, melhores condições de intervenção, dando mais visibilidade ao papel dos eleitos da CDU nos órgãos autárquicos, valorizando, prestigiando e credibilizando o seu trabalho e abrindo caminho a um melhor resultado eleitoral em 1 de Outubro próximo.

Na generalidade das Assembleias Municipais e de freguesia, os eleitos da CDU assumiram-se como porta-vozes dos anseios das populações, como oposição activa na fiscalização dos Executivos, como força com propostas alternativas para responder à necessidade de elevação da qualidade de vida dos habitantes dos territórios onde foram eleitos.

À revelia dos princípios e preceitos constitucionais que indicam como caminho de descentralização a criação das Regiões Administrativas, com órgão eleitos democraticamente pelo voto universal dos cidadãos, os sucessivos governos têm avançado noutro sentido, totalmente diverso: o da implementação e reforço de competências das denominadas “entidades intermunicipais”, também conhecidas por CIMs, instituições cada vez mais dotadas de poderes e meios, mas vazias de mecanismos de legitimação e controlo democráticos dos mesmos.

O objectivo destas estruturas assume-se pela tentativa de criação de serviços públicos intermunicipais que esvaziem ou acabem com serviços que deveriam ser garantidos pelo Estado Central.

Este mandato autárquico fica igualmente marcado na nossa região pelo recrudescimento dos tiques autoritários das maiorias, pelas guerras intestinas no PSD, PS e CDS-PP e pelas tentativas de limitar os direitos constitucionais das populações

A CDU concorreu em 2013 a todas as Câmaras e Assembleias Municipais do Distrito de Viseu e a 121 das 277 Freguesias. São objectivos para as eleições de 1 de Outubro de 2017, para além da apresentação de listas para todas as Câmaras e Assembleias Municipais, concorrer a pelo menos 50% das freguesias do Distrito, reforçar o número de eleitos nas Assembleias Municipais onde elegemos em 2013 e eleger em mais Assembleias Municipais, duplicar o número de Assembleias de Freguesias com eleitos da CDU, ganhar, como objectivo mínimo, mais uma Freguesia no Distrito.

O Encontro aprovou ainda 23 medidas base a incluir nos programas eleitorais, de acordo com a realidade associada a cada concelho ou freguesia.

O Encontro Distrital da CDU apontou para a continuação da preparação das eleições autárquicas de Outubro, considerando a necessidade de generalizar a nível de freguesia, concelho e distrito as tomadas de posição, por  variadas formas, sobre os temas e assuntos mais sentidos e actuais, nomeadamente dando conhecimento público das posições assumidas nos órgãos autárquicos, afirmando a CDU, o seu percurso de trabalho, honestidade e competência, o seu projecto e o seu património de obra realizada, cuja concretização deve constituir um momento de alargamento da influência política e eleitoral indispensável à ruptura com a política de direita e à luta pela construção da alternativa política patriótica e de esquerda.

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "CDU Viseu: Encontro Distrital de Viseu de eleitos e activistas da CDU"

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html