Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
Lamego: Marques Luís revela projetos para o futuro na tomada de posse da Misericórdia de Lamego
segunda-feira, 30 de janeiro de 2017 Publicado por Notícias de Resende

Para os próximos quatro anos, a meta já está definida: a Santa Casa da Misericórdia de Lamego quer ser uma instituição de “referência e de excelência” na prestação de cuidados nas diferentes áreas em que atua, a “custos economicamente comportáveis e sustentáveis, num ambiente de trabalho que permita o desenvolvimento pessoal e profissional dos seus colaboradores e que seja uma alavanca do crescimento económico e social do concelho”. Esta nova visão “exigente, e muito difícil” foi apresentada por António Marques Luís no encerramento da cerimónia de tomada de posse dos novos corpos sociais desta instituição multisecular.

O ato público, durante o qual todos os membros que compõem os corpos gerentes prestaram o juramente compromissório, decorreu no Salão Nobre do edifício-sede da Misericórdia de Lamego, perante dezenas de irmãos e representantes de entidades locais e regionais.

O novo mandato vai coincidir, mais concretamente em 2019, com a celebração do seu 500º aniversário, “um fator potenciador de um salto qualitativo”. Neste sentido, o Provedor agora reeleito para um segundo mandato elenca os grandes objetivos que ambiciona alcançar até 2020: a tendência para o equilíbrio financeiro da exploração; a conclusão do projeto da Ilha Amarela, na cidade do Porto; a requalificação do Lar de Arneirós; a implementação de um projeto cultural na Igreja das Chagas; a devolução do antigo hospital; o reforço do ambiente interno da Santa Casa e o aprofundamento da sua capacidade de intervenção. “Pese embora, o trabalho árduo que foi efetuado, o futuro imediato apresenta-se cheio de dificuldades e de muitas incertezas”, vaticina, solicitando, por esta razão, o apoio de todos, em particular à Segurança Social e à Câmara Municipal de Lamego, para que estes desafios sejam superados.

Ao longo da sua intervenção, Marques Luís agradeceu a “solidariedade e o espírito de compromisso” dos irmãos que integraram os corpos sociais do mandato que findou: “O vosso trabalho, o vosso empenho e a vossa dedicação enriqueceu-nos a todos e foi sem dúvida um fator demonstrativo de como se pode gerir solidariamente esta instituição. Por isso o meu sincero reconhecimento aos seus membros, na pessoa do Dr. José Carrapatoso e do Dr. Jorge Fonseca”. Recorde-se que, na sequência do último ato eleitoral, para o mandato que agora se inicia os corpos gerentes são liderados por António Marques Luís (Provedor da Mesa Administrativa), Fernando Sousa (Presidente da Mesa da Assembleia Geral) e Jorge Vieira Fonseca (Presidente do Conselho Fiscal).

Ao assumir de novo a liderança dos destinos de uma instituição de solidariedade que esteve sempre, desde a sua criação, na linha da frente no apoio social aos mais carenciados, Marques Luís deixa um desejo: “Esta Misericórdia, pelo seu passado de quase 500 anos, pelo trabalho desenvolvido ao longo dos mesmos, pelo património humano e cultural de que é detentora, merece certamente o melhor de todos nós”.

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "Lamego: Marques Luís revela projetos para o futuro na tomada de posse da Misericórdia de Lamego"

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html