Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
REGIÃO: Baião: Comemorações do Aniversário do Doutor Orlando de Carvalho
quarta-feira, 3 de dezembro de 2014 Publicado por Notícias de Resende

As comemorações do aniversário do Doutor Orlando de Carvalho vão ser celebradas, uma vez mais, em Santa Marinha do Zêzere, nos Serviços descentralizados do Município de Baião, no próximo dia 06 de Dezembro.

O evento, uma organização conjunta da Câmara Municipal de Baião e da Comissão de Honra constituída para o efeito, pretende relembrar a acção de um homem que para além da vida académica foi activista político e resistente anti-fascista, poeta e dinamizador cultural.

Biografia de Orlando de Carvalho

Oriundo da freguesia de Santa Marinha do Zêzere, concelho de Baião, Orlando Carvalho chegou em 1943 a Coimbra. Aí veio a distinguir-se, primeiro, como um aluno brilhante (concluiu as licenciaturas em ciências Histórico-Jurídicas e Político-Económicas com 18 valores e o Doutoramento com a classificação “Muito Bom”) e depois como um carismático professor de Direito que pela sua exigência e rigor na avaliação era conhecido como o “terror” dos estudantes de Direito.

“As suas aulas maravilharam sucessivas gerações de alunos, que assim compensava do alto nível de exigência que punha na avaliação de conhecimentos”, referiu aquando do seu funeral o presidente do Conselho Directivo da Faculdade de Direito de Coimbra, António Avelãs Nunes. Na ocasião, Avelãs Nunes qualificou-o como “um Mestre de pensar e um modelo de cidadania de muitas gerações de estudantes”.

Contratado em 1948 como assistente do Grupo de Ciências Políticas, foi suspenso do serviço docente logo no ano seguinte por motivos políticos, ao envolver-se na campanha presidencial de Norton de Matos. Retomou o serviço docente em 1950, por pressão da Faculdade, mas as suas convicções políticas levaram-no a ser preso: em 1961 a PIDE acusou-o de “influência deletéria junto da academia de Coimbra” e em 1962 de pertencer às Juntas de Acção Patriótica. Ambas as vezes foi libertado por falta de provas.

Para a história ficou a sua acção durante a crise estudantil de 1969. Poucos dias depois da detenção de Alberto Martins e dos outros líderes estudantis contestatários que em Coimbra pediram a palavra a Américo Thomaz para exprimir o descontentamento, Orlando de Carvalho solidarizou-se com os estudantes. Acompanhado por um grupo de professores – entre os quais Paulo Quintela e os jovens assistentes Avelãs Nunes, Correia Pinto e Vital Moreira –, tomou a palavra durante uma Assembleia Geral de Estudantes.

“O traço elegante do ritmo discursivo de Orlando de Carvalho fazia assomar lágrimas nos rostos juvenis. Quintela e Orlando vazaram sobre um auditório rendido as mais belas palavras de responsabilidade cívica e da solidariedade universitária”, relembrou Osvaldo de Castro, actual deputado do Partido Socialista e na altura vice-presidente da Associação Académica de Coimbra.

O doutoramento foi concluído em 1968, com o tema “Critério e Estrutura do Estabelecimento Comercial: O problema da empresa como objecto de negócios”, depois do qual a carreira académica só viria a ser interrompida já depois do 25 de Abril de 1974. Foi convidado para pertencer ao I Governo Provisório, na qualidade de Secretário de Estado da Reforma Educativa. Voltou a Coimbra, onde na sequência de um concurso público foi nomeado Professor Catedrático em 1977. De entre a sua obra teórica pode destacar-se: “A Teoria Geral da Relação Jurídica: seu sentido e limites”, “Direito Comercial” e “O Ónus da Arguição”.

Orlando Carvalho nunca deixou de visitar a sua terra natal, Santa Marinha do Zêzere, onde se encontra sepultado. De resto, as suas últimas actividades políticas deram-se na qualidade de membro da Assembleia Municipal de Baião, para a qual foi eleito em 1976 como independente nas listas da Aliança do Povo Unido (coligação do PCP com o MDP-CDE).

Viria a falecer em Março de 2000, tendo ainda sido condecorado com a Ordem da Liberdade por Jorge Sampaio. Viu também os seus poemas publicados, em 1998, no livro “Sobre a Noite e a Vida”. “Um livro muito belo, no qual pulsam, em soberbas estrofes, de versos (…) uma nobreza de carácter, uma fundura de introspecção, uma abrangente visão do Mundo, uma aguda sensibilidade”, no entender do crítico Urbano Tavares Rodrigues.

Programa das Comemorações do aniversário do Doutor Orlando de Carvalho
Dia 06 de dezembro
15h30: Coro Gregoriano do Porto
                           Cânticos Gregorianos e leitura de poesia de Doutor Orlando de Carvalho
Local: Igreja Paroquial de Santa Marinha do Zêzere
17h00: Atuação da Banda de Música de Santa Marinha do Zêzere
             Abertura da exposição de Fotografia de Ricardo Fonseca
             Apresentação do livro “O Meu Mestre” da escritora Maria Margarida Moreira
Local: Sala de Estudos e Documentação do Doutor Orlando de Carvalho (S.E.D.O.C.)
18h00: Conferência / Debate: “As Lutas Académicas: A sua Atualidade social”
            Alberto Martins, licenciado em Direito, advogado de profissão, ex-Ministro da Justiça e atual deputado da Assembleia da República
                Pedro Romeu, presidente da Direção da Associação Académica da UTAD
                Ruben Alves, presidente da Federação Académica do Porto
  Local: Sala de Estudos e Documentação do Doutor Orlando de Carvalho (S.E.D.O.C.)
21h30: Apresentação do Livro do II Mandato “Baião Vida Natural”, pelo jornalista Fernando Alves
           Conferência subordinada ao tema “ Os Desafios do Poder Local”, por Manuel Machado, presidente da Associação Nacional dos Municípios Portugueses
 Local: Sala de Estudos e Documentação do Doutor Orlando de Carvalho (S.E.D.O.C.)

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "REGIÃO: Baião: Comemorações do Aniversário do Doutor Orlando de Carvalho"

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html