Quantcast
[ ]
Notícias de Última Hora
REGIÃO: Baião: "Centros de Noite passam a ser uma Resposta Social Típica", afirmou Agostinho Branquinho
terça-feira, 9 de dezembro de 2014 Publicado por Notícias de Resende

Foi numa manhã fria, mas solarenga, que o  concelho de Baião  viu inaugurado o primeiro Centro de Noite do CECAJUVI, em Santa Leocádia.

A  cerimónia, ocorrida a 6 de dezembro,  contou  com a presença do  Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social, Agostinho Branquinho, o presidente da Câmara Municipal de Baião,  José Luís Carneiro e do  presidente do CECAJUVI, Victor Pinto.

Victor Pinto fez as honras da casa e ao abrir a sessão relatou a história do Centro de Noite que se reporta ao ano de 2007, ano em que assumiu pela primeira vez a liderança do CECAJUVI.

“José Luís Carneiro desafiou-me para que fizéssemos uma valência nova. Queríamos ter um Centro de Noite para 12 pessoas  e com o apoio da Câmara Municipal de Baião avançamos com readaptação das infraestruturas, contudo esta resposta social, na altura não tinha o apoio da Segurança Social, e não conseguimos avançar com o nosso objetivo”, lembrou o presidente do CECAJUVI.

“Neste último governo houve o senso de incluir o apoio para estas infraestruturas , o que nos permitiu, nas mesmas instalações realizar obras de readaptação, de acordo da legislação, e criar um Centro de Noite para 7 utentes”, continuou.

“ Estou muito feliz pela concretização deste projeto. Queremos que o Centro de Noite do CECAJUVI seja o Centro de Noite de Baião. Este espaço é uma resposta de conforto e de qualidade”, terminou.
Na sua intervenção o presidente da Câmara Municipal de Baião, à semelhança de Victor Pinto, fez o histórico deste projeto.

“Desde 2007, altura em que recebemos a visita a Baião do Ministro do Trabalho e Solidariedade Social, Vieira da Silva, que defendemos a importância de garantirmos uma resposta social adequada às necessidades específicas dos cidadãos de idade mais avançada em meio rural. Procurámos os parceiros.  Lançámos o apelo às instituições de solidariedade social.  Recebemos o interesse da Santa Casa da Misericórdia de Baião e do Cecajuvi. Aquela para um centro de dia e de noite para Viariz e o Cecajuvi para estas instalações. Sobre a primeira intenção, chegamos a elaborar o projeto de arquitetura e a realizar uma candidatura. Todavia, esta não foi aprovada. Entretanto, contámos com a firme vontade da direção do CECAJUVI em continuar com esse objetivo”,   recordou José Luís Carneiro.

“Em regra, os idosos que vivem no mundo rural são pequenos ou micro-proprietários de pequenas parcelas de terra. E enquanto têm capacidade física e intelectual manifestam uma forte vontade de 'lidar' a terra. Estão profundamente enraizados nesse 'chão'. Em regra, onde nasceram, cresceram e onde querem manter a sua memória viva. Retirá-los destes locais e levá-los para um lar, institucionalizando-os fora do seu habitat é subtrair-lhes anos de vida”, frisou.

 Para José Luís Carneiro,  “os Centros de Noite, enquanto estrutura que disponibiliza apoio humano noturno, nomeadamente em termos de higiene pessoal, repouso e até de enfermagem e médico e constituem uma resposta muito importante. Sabemos que o período noturno, nomeadamente durante o Outono e o Inverno torna-se ainda mais difícil para quem vive só e já com idade avançada”, sublinhou.

As primeiras palavras do Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social foram dirigidas ao CECAJUVI.

“Dar os parabéns ao CECAJUVI pelo trabalho que desenvolve e pelas várias valências desenvolvidas ao longo de vários anos. E dizer que hoje a vida de muitos portugueses depende do trabalho de instituições como o CECAJUVI”, referiu o Secretário de Estado da Solidariedade e da Segurança Social.

Agostinho Branquinho, ao defender uma política de proximidade salientou a necessidade de se confiar nas instituições que estão no terreno e atribuir-lhes novas competências,  novas missões, assim como os respetivos recursos financeiros.

“O Centro de Noite que estamos hoje a inaugurar deixou de ser uma resposta social atípica para a Segurança Social e passou a ser uma resposta típica”, classificou.

“Para além deste aspeto inovador e revelador da descentralização de competências, saliento 16 projetos  pilotos a nível nacional  na área de atendimento social, um dos quais arrancará na Santa Casa da Misericórdia de Baião no decurso da próxima semana”, anunciou.

O Centro de Noite do CECAJUVI

O Centro de Noite está preparado para receber sete utentes e requereu um investimento no valor de 75  mil euros, repartidos da seguinte foram: 50 mil atribuídos pela Câmara Municipal de Baião, mais de 15 mil euros, atribuídos pela Dolmen através do PRODER e  o remanescente assegurado pelo CECAJUVI.  Cabe à Segurança Social, por via de protocolo, assegurar o apoio ao funcionamento deste espaço dedicado aos mais idosos.

Notícias de Resende

Obrigado pela sua sua visita..!

0 comentários para "REGIÃO: Baião: "Centros de Noite passam a ser uma Resposta Social Típica", afirmou Agostinho Branquinho"

Deixe um comentário

Regras de utilização aceitável do noticiasderesende.com

Não obstante as regras definidas e a diligência e zelo a que NOTÍCIAS DE RESENDE se propõe, não é possível um controlo exaustivo dos comentários dos utilizadores e, por isso, não é possível a NOTÍCIAS DE RESENDE garantir a correção, qualidade, integridade, precisão ou veracidade dos referidos comentários.

NOTÍCIAS DE RESENDE não é responsável pelo teor difamatório, ofensivo ou ilegal dos comentários. Todos os textos inseridos nas caixas de comentários disponibilizadas em www.noticiasderesende.com expressam unicamente os pontos de vista e opiniões dos seus respetivos autores.

Apesar da referida impossibilidade de exercer um controlo exaustivo, NOTÍCIAS DE RESENDE reserva-se o direito de bloquear e/ou de retirar das caixas de comentários quaisquer mensagens que contrariem as regras que defende para o bom funcionamento do site, designadamente as de caráter injurioso, difamatório, incitador à violência, desrespeitoso de símbolos nacionais, racista, terrorista, xenófobo e homofóbico.

Os comentadores são incentivados a respeitar o Código de Conduta do Utilizador e os Termos de Uso e Política de Privacidade que podem ser consultados neste endereço:
http://www.noticiasderesende.com/p/politica-de-privacidade.html